1. Blogs
  2. Blog do JB
  3. Adolescente é vítima de feminicidio no interior do PI
Publicidade

Adolescente é vítima de feminicidio no interior do PI

Um caso de feminicidio registrado na tarde deste sábado (26) chocou a população da cidade de Simplício Mendes.

Por volta das 14h30m a Polícia Militar foi informada que havia um corpo de uma mulher no Bairro Vila Henrique Costa. A polícia foi até o local em um matagal que fica no fundo da casa da vítima que foi identificada por Letícia Maria Costa Arruda,14 anos.

Logo em seguida a polícia começou a fazer diligencias no intuito de localizar e prender o suspeito, quando recebeu uma denúncia anônima dando conta que o provável suspeito estava escondido em um matagal de difícil acesso conhecido como Morro da Cohab. Como o suspeito estava em um ponto alto e tinha uma visão ampla e privilegiada a polícia teve que montar uma estratégia uma para prender o suspeito. A guarnição comandada pelo Tenente Damata deixaram a viatura em um local estratégico e foram a pé pela BR 020 subiram o morro pelo lado oposto afim de supreender o suspeito. O cerco foi fechado e o suspeito acabou preso.

O acusado menor de idade de iniciais A.A.S 16 anos confessou o crime e contou com detalhes como tudo aconteceu disse a polícia.

“O acusado foi até a casa da vítima e começaram a discuti, momento em que ele estrangulou a vítima, depois arrastou o corpo pelo quintal para um matagal. O acusado disse ter matado a vítima porque ela vivia interferido na vida dele. A ação do acusado foi toda premeditada. O que chamou a atenção de nossa equipe foi a frieza como o acusado detalhou a execução do crime”, disse o Tenente Damata.

A polícia civil foi até o local e acionou uma equipe do Instituto de Medicina Legal (IML) que recolheu o corpo para ser periciado em Picos.

O acusado foi entregue na delegacia de polícia local para os procedimentos cabíveis.

A ação rápida e eficiente da polícia militar recebeu muitos elogios.

Vítima e acusados eram primos por afinidade.

O crime chocou e deixou os moradores de Simplício Mendes indignados.

Guarnição que participou da operação que culminou com a prisão do acusado: Tenente Damata, Sargento Rafael Santos, Soldado Leonan, Soldado Thayane, Soldado Eraldo, Soldado Cristyna e Soldado Cleyton. 

 

Um caso de feminicidio registrado na tarde deste sábado (26) chocou a população da cidade de Simplício Mendes.

Por volta das 14h30m a Polícia Militar foi informada que havia um corpo de uma mulher no Bairro Vila Henrique Costa. A polícia foi até o local em um matagal que fica no fundo da casa da vítima que foi identificada por Letícia Maria Costa Arruda,14 anos.

Logo em seguida a polícia começou a fazer diligencias no intuito de localizar e prender o suspeito, quando recebeu uma denúncia anônima dando conta que o provável suspeito estava escondido em um matagal de difícil acesso conhecido como Morro da Cohab. Como o suspeito estava em um ponto alto e tinha uma visão ampla e privilegiada a polícia teve que montar uma estratégia uma para prender o suspeito. A guarnição comandada pelo Tenente Damata deixaram a viatura em um local estratégico e foram a pé pela BR 020 subiram o morro pelo lado oposto afim de supreender o suspeito. O cerco foi fechado e o suspeito acabou preso.

O acusado menor de idade de iniciais A.A.S 16 anos confessou o crime e contou com detalhes como tudo aconteceu disse a polícia.

“O acusado foi até a casa da vítima e começaram a discuti, momento em que ele estrangulou a vítima, depois arrastou o corpo pelo quintal para um matagal. O acusado disse ter matado a vítima porque ela vivia interferido na vida dele. A ação do acusado foi toda premeditada. O que chamou a atenção de nossa equipe foi a frieza como o acusado detalhou a execução do crime”, disse o Tenente Damata.

A polícia civil foi até o local e acionou uma equipe do Instituto de Medicina Legal (IML) que recolheu o corpo para ser periciado em Picos.

O acusado foi entregue na delegacia de polícia local para os procedimentos cabíveis.

A ação rápida e eficiente da polícia militar recebeu muitos elogios.

Vítima e acusados eram primos por afinidade.

O crime chocou e deixou os moradores de Simplício Mendes indignados.

Guarnição que participou da operação que culminou com a prisão do acusado: Tenente Damata, Sargento Rafael Santos, Soldado Leonan, Soldado Thayane, Soldado Eraldo, Soldado Cristyna e Soldado Cleyton. 

 

Prefeito de João Costa anuncia construção de 21 casas populares Piauiense é vítima de feminicídio em São Paulo e caso ganha repercussão nacional

Mais lidas desse blog