1. Blogs
  2. Mãe de primeira
  3. Vencendo os 30 dias e voltando para casa e a adaptação do sono
Publicidade

Vencendo os 30 dias e voltando para casa e a adaptação do sono

Não foi fácil, mas vencemos os 30 dias e voltamos para casa e continuo afirmando que sem a ajuda da minha família teria sido mais difícil. Voltamos para casa dia 16 de junho, o Igor Fernando estranhou bastante nosso apartamento, chorou muito e tornou a noite mais longa acordando várias vezes. No dia seguinte ele estava fazendo um mês e decidir reunir minha família e a do Nelson para comemorar.

Desde recém nascido o Igor Fernando dorme no ninho onde estiver

Minha comadre e amiga Priscila foi me ajudar na missão, afinal, agora era eu e o Igor no apartamento enquanto o pai dele trabalhava o dia todo. Foi um dia em que percebi meu filho observando tudo, reconhecendo o ambiente, já não chorava como na noite anterior e conseguiu dormir tranquilamente durante o dia.

Em casa pude criar a rotina de sono dele. Inúmeras vezes li na internet sobre rotina de sono, de como colocar o bebê para dormir entre outras técnicas, mas aviso logo que é tudo ilusão. Digo isso porque cada pessoa cria a rotina com seu filho, de onde e como dormir.

 O ninho facilitou a adaptação no berço

Para o Igor Fernando funciona dessa forma:

Manhã: acorda por volta das 9 horas da manhã (fui agraciada com esse soninho bom), ele faz o cocô de todo dia (outra benção) e toma banho. Por volta das 10h30min da manhã vem a soneca que dura até meio dia.

 Igor Fernando também adora dormir em uma rede

Tarde: deito com ele na rede após o almoço, e por volta das 13h30min ele adormece e acorda ás 16 horas. Ás 16:30 dou um banho e ficamos brincando esperando o pai dele chegar do trabalho.

Noite: preparo um banho morno para ele às 18h30min e já o arrumo para dormir, mesmo que ele não durma logo. Então ele fica com o pai dele e quando começa a choramingar, eu amamento com o ambiente já preparado para a noite de sono. Ele adora musica, então mamãe capricha na playlist e após 40 minutos de mamada ele adormece.

 Mas Igor Fernando não é de ferro e adora um colinho

Obs: Quando ele dorme às 19 horas ele acorda meia noite e três e meia da manhã. Quando, por alguma mudança na rotina dele, ele vai dormir mais tarde (entre 21h e 22h) ele acorda apenas as 03h30min da manhã e eu o acordo às 5h para amamentar e ele continuar a dormir.

Igor é uma criança tranquila e não tem dado trabalho para dormir (até agora)

Essa é a rotina que vem funcionando com a gente até o momento. Pode mudar? Talvez. Mas o principal para as mamães é tentar encaixar seu filho na sua rotina, criando a dele.

E para falar comigo é só escrever para [email protected]

Não foi fácil, mas vencemos os 30 dias e voltamos para casa e continuo afirmando que sem a ajuda da minha família teria sido mais difícil. Voltamos para casa dia 16 de junho, o Igor Fernando estranhou bastante nosso apartamento, chorou muito e tornou a noite mais longa acordando várias vezes. No dia seguinte ele estava fazendo um mês e decidir reunir minha família e a do Nelson para comemorar.

Desde recém nascido o Igor Fernando dorme no ninho onde estiver

Minha comadre e amiga Priscila foi me ajudar na missão, afinal, agora era eu e o Igor no apartamento enquanto o pai dele trabalhava o dia todo. Foi um dia em que percebi meu filho observando tudo, reconhecendo o ambiente, já não chorava como na noite anterior e conseguiu dormir tranquilamente durante o dia.

Em casa pude criar a rotina de sono dele. Inúmeras vezes li na internet sobre rotina de sono, de como colocar o bebê para dormir entre outras técnicas, mas aviso logo que é tudo ilusão. Digo isso porque cada pessoa cria a rotina com seu filho, de onde e como dormir.

 O ninho facilitou a adaptação no berço

Para o Igor Fernando funciona dessa forma:

Manhã: acorda por volta das 9 horas da manhã (fui agraciada com esse soninho bom), ele faz o cocô de todo dia (outra benção) e toma banho. Por volta das 10h30min da manhã vem a soneca que dura até meio dia.

 Igor Fernando também adora dormir em uma rede

Tarde: deito com ele na rede após o almoço, e por volta das 13h30min ele adormece e acorda ás 16 horas. Ás 16:30 dou um banho e ficamos brincando esperando o pai dele chegar do trabalho.

Noite: preparo um banho morno para ele às 18h30min e já o arrumo para dormir, mesmo que ele não durma logo. Então ele fica com o pai dele e quando começa a choramingar, eu amamento com o ambiente já preparado para a noite de sono. Ele adora musica, então mamãe capricha na playlist e após 40 minutos de mamada ele adormece.

 Mas Igor Fernando não é de ferro e adora um colinho

Obs: Quando ele dorme às 19 horas ele acorda meia noite e três e meia da manhã. Quando, por alguma mudança na rotina dele, ele vai dormir mais tarde (entre 21h e 22h) ele acorda apenas as 03h30min da manhã e eu o acordo às 5h para amamentar e ele continuar a dormir.

Igor é uma criança tranquila e não tem dado trabalho para dormir (até agora)

Essa é a rotina que vem funcionando com a gente até o momento. Pode mudar? Talvez. Mas o principal para as mamães é tentar encaixar seu filho na sua rotina, criando a dele.

E para falar comigo é só escrever para [email protected]

Quem vai cuidar do seu filho? A difícil missão de escolher o pediatra ideal Pós-parto e a síndrome do patinho feio. Depressão pós-parto?

Mais lidas desse blog