1. Blogs
  2. Café com Informação
  3. “Estamos saindo de um ano muito intenso. 2019 será de reorganização", diz astróloga
Publicidade

“Estamos saindo de um ano muito intenso. 2019 será de reorganização", diz astróloga

Quem pensa que a astrologia se resume ao horóscopo e é algo que está de volta à moda agora, se engana. O estudo é usado desde a antiguidade, inclusive para entender e prever tendências na política.

Tarcila Mara no Café com Informação dessa semana (Foto: Marcelo Gomes / Portal AZ)

Ter uma visão geral de quais serão as principais tendências astrológicas do novo ano pode ajudar muito no planejamento de metas. Para isso entrevistamos no Café com Informação Tarcila Maria Macedo, que é terapeuta transpessoal com abordagem sistêmica. Ela começa explicando como os astros interferem na vida das pessoas.

“De certa forma a gente é um corpo que é composto de água, então os movimentos de rotação, a lua, o sol, a forma como eles transitam eles ressoam no nosso corpo. Se a gente partir do principio que nós somos todos um e parte de um todo desse universo, partir do principio da cosmologia, pensar que a astrologia não interfere na nossa vida é mesmo que pensar que um fígado não interfere no nosso sistema físico. Nós somos influenciados energeticamente pela radiação dos astros”, explica.

Sobre a questão das previsões serem deterministas na vida das pessoas a terapeuta afirma que não, pois as pessoas também tem o livre arbítrio.

“Quando a pessoa nasce tem sua carta natal, que é como se fosse uma ressonância do seu corpo físico, algo que fala de deus padrões emocionais e psíquicos. Então quando você sabe desses padrões, dessas tendências que você tem a vivenciar diversos aspectos na vida você começa a se trabalhar. Por exemplo, quando você percebe que tem uma tendência a ser tímido, introspectiva daí você vai trabalhar a energia da comunicação. O maior beneficio da astrologia é o autoconhecimento”.

Arimatéia Azevedo entrevista Tarcila Mara (Foto: Marcelo Gomes / Portal AZ)

Existem pessoas que não saem de casa sem ler o horóscopo, em relação a isso Tarcila explica que é questão de crenças, supertições.

“Se a mente acredita nisso é super forte. Se você cria esse habito e acha isso importante para sua vida, que ótimo, porque essas crenças são construídas a partir de valores familiares, mas isso não é o que determina e nós estamos vivendo um momento onde a gente tem que começar a analisar que tipo de crença e limitante para minha vida e que não em serve mais”. 

Respondendo a pergunta de um dos internautas sobre a grande curiosidade das pessoas em relação à previsão do futuro, a terapeuta transpessoal explica que tudo está ligado a doença do mal do século, a ansiedade.

“Se formos parar para pensar a gente transita em um lugar que a gente compreende o passado e percebe que já não existe, compreende que o presente é a única coisa que a gente habita no momento e sabe que o futuro é algo que demanda da minha construção do presente, então a gente só tem de verdade o momento do aqui e agora. Mas pela nossa insegurança, a gente sente a necessidade de perceber o que me espera lá na frente, só que esse futuro não é certo, porque nós temos o livre arbítrio”.

Previsões e tendências para 2019

“A gente está saindo de um ano que foi muito intenso em todos os aspectos. 2018 foi um ano regido por três planetas que a gente costuma dizer que eles representam a policia e o juiz. Saturno entrou no transito que vai ate 2020, mas Plutão trabalha a energia de limpeza, purificação de coisas que estão fora da ordem. A gente vem de um movimento onde a gente passou por um processo de organização em todos os aspectos e causou angustia ver tudo isso acontecer, mas foi necessário. Em outubro e novembro entramos numa regência do planeta chamado Júpiter, que fala de expansão da consciência, só que não podemos fazer isso se não tirar aquilo que não nos serve mais. Agora nesse ano de 2019 será regido por Marte, planeta que fala de ação, mas ação rápida, então será um ano que passará rápido. Ele é guerra, movimento de presença em ação, então Marte pra uns fala de guerra, brigas e disputa, mas se olhar pelo aspecto positivo fala que aquilo que foi reestruturado, reorganizado, que tem novos movimentos para vim, que venham rápido, pois é isso que o Brasil está precisando”.
 

Assista ao programa na íntegra:

Clique aqui e assista também no Youtube. 

Café com Informação faz retrospectiva dos melhores momentos de 2018 “Ainda há esperança nos crimes de maus-tratos aos animais com o Novo Código Penal”, diz advogado criminalista

Mais lidas desse blog