1. Blogs
  2. Opinião
  3. Quem era Dom Celso José Pinto da Silva?
Publicidade

Quem era Dom Celso José Pinto da Silva?

Um carioca que amava o Estado do Piauí e, sobretudo Teresina. Um ser humano cheio de amor à vida e dignidade humana; um homem incapaz de desejar o indesejável a qualquer filho ou filha de Deus. Dom Celso via no Sacerdócio a plena capacidade de servir aos mais simples e necessitados, aos marginalizados, a servir a todos aqueles que são desprezados pela sociedade institucionalizada e organizada sob a égide da ordem. Celso José era um carioca brincalhão, descontraído, amigo dos amigos, respeitava os seus desafetos; era um homem leal.

 Dom Celso José Pinto da Silva Foi Ordenado para o Presbitério em Roma/Itália, no dia 14 de março de 1959, foi ordenado Bispo em 01 de maio de 1978 na cidade do Rio de Janeiro-RJ. Bispo Auxiliar da Arquidiocese do Rio de Janeiro, RJ (1978-1981); Bispo de Vitória da Conquista-BA; Membro da Comissão Episcopal de Pastoral da CNBB (1983-1987); Membro da CEP do Regional NE 3; Representante eleito da CNBB no Sínodo Episcopal de 1987; Representante eleito da CNBB à Quarta Conferência Episcopal Latino-americana em Santo Domingo, 1992; Presidente do Regional Nordeste 3 (1991-1994). Lema: “Para Servir”. Tomou posse como quinto Arcebispo de Teresina no dia 01 de maio de 2001.

 Dom Celso José Pinto da Silva era um exímio leitor; um leitor contumaz; era do tipo que acordava e devorava páginas e páginas de livros; era um verdadeiro amante da sabedoria, homem culto, civilizado, digno de quem pertenceu à aristocracia e nobreza carioca. E qual o seu lema? Pra servir. A vontade de servir era o desejo maior de Dom Celso José Pinto da Silva. Celso José sempre foi um homem muito influente na CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil; queira ou não, acreditem ou não, Dom Celso “fez” muitos Bispos para a Igreja Católica Apostólica Romana. Dom Celso nunca cansava de acreditar no Ser Humano!

Outra característica que devemos lembrar Dom Celso José Pinto da Silva neste momento é seu cuidado e zelo para com o Clero. Reza o direito canônico que quando um Arcebispo torna-se emérito o mesmo está sob o cuidado da Arquidiocese em que pastoreiou; Dom Celso foi muito bem cuidado pela Arquidiocese de Teresina, mas sempre preferiu morar na casa do Clero; gostava de viver entre os seus, entre os Padres, era um formador incansável. Dom Celso José Pinto da Silva era uma pessoa humana orante. Celso José gostava muito de Rezar.

 Eis algumas das atividades desempenhadas por Celso José em sua trajetória de vida: Professor e Diretor Espiritual do Seminário Menor e Maior da Arquidiocese do Rio de Janeiro, RJ (1960-1966); Assistente Diocesano e Vice Assistente Nacional do MFC-Movimento Familiar Cristão (1966-1969); Subsecretário do Regional Leste 1 -CNBB (1960-1970); Assessor da CEP-Conselho Episcopal de Pastoral da CNBB (1970); Pároco da Paróquia de São Sebastião e Santa Cecília no Rio de Janeiro, RJ (1972-1978); Vigário Episcopal do Vicariato Oeste da Arquidiocese do Rio de Janeiro, RJ (1972-1978). Viver para Servir é o único e verdadeiro sentido da vida; pensava e vivia Dom Celso José Pinto da Silva!

 Deus, o bom Deus o espera grande DOM! Tenho profunda gratidão ao Ser Humano Dom Celso José Pinto da Silva e a certeza de que a formação que ele nos deu nos acompanhará por toda a nossa vida. “Tu és sacerdote para sempre segundo a ordem de Melquisedec.”.  Sacerdócio que exercerá em sua Igreja  até o fim dos tempos. Dom Celso José Pinto da Silva era um excelente ser Humano. Um exemplo a ser seguido por todos da nossa Igreja Católica Apostólica Romana. Os sacerdotes e o Bispo cultivam profunda unidade, Os Bispos sabem descobrir os dons pessoais de cada um dos presbíteros e fazer com que transpareçam para o bem do Povo de Deus.
Dom Celso José Pinto da Silva sabia fazer isso muito bem. Vai em paz bom amigo. Dom Celso era realmente um homem BOM !

 

 

Fomento Mercantil-Factoring no ordenamento jurídico nacional Pesquisa eleitoral, conjuntura e voto do eleitor

Mais lidas desse blog


Publicidade