1. Colunas
  2. Arimatéia Azevedo
  3. O fim do ‘Vossa Excelência’
Publicidade

O fim do ‘Vossa Excelência’

Para viger a partir de primeiro de maio, o presidente Jair Bolsonaro assinou decreto tornando mais simples, ou tornando mais banalizada a relação de tratamento entre agentes públicos. Ou da parte da população para com os gestores com os quais não precisará usar de formalismo numa correspondência porque, pelo decreto não mais serão permitidas as expressões específicas de tratamento. Ou seja, não se pode ou deve endereçar uma correspondência ao ministro chamando-o de “Vossa Excelência”. Basta tão somente a palavra ‘Senhor’. Ou senhora, se a carta for endereçada a uma mulher, por exemplo. Ficam, pois, abolidas, as expressões; Vossa Excelência ou Excelentíssimo; Vossa Senhoria, Vossa Magnissência, Doutor, Ilustre ou ilustríssimo, digno ou digníssimo e ‘respeitável’. Num país em que a língua culta foi pro brejo  nos 12 anos de gestão do PT, onde o próprio Ministério da Educação considerou admitir como tolerável, e, portanto, aceitável o sujeito pronunciar “a gente vamos”, ou “Nós faz”, ou mais precisamente ‘o povo vão’  e os neologismos abreviados pq (por que) e o próprio filho do atual presidente o corrige publicamente na pronuncia equivocada da palavra privilégio, não se pode mais esperar nada. Não custa lembrar, Jânio Quadros (que renunciou aos sete meses de mandato) baixou decreto proibindo briga de galo, uso de biquínis na praia. E tudo continua em uso. 

Themístocles Filho defenderá em Brasília o BNB como banco oficial (Foto: Lucas Sousa / Portal AZ)

Indicação

O médico Marcus Vinícius Cunha Dias foi indicado por sua mulher, a deputada federal Marina Santos, para o cargo de superintendente do Ministério da Agricultura no Piauí. 
Das duas uma: com tantos afazeres da profissão, entre eles, o de ser médico PFS, com 40 horas semanais, fica difícil saber a hora em que Dr. Vinícius pisará o pé no já defasado órgão.

Ah...

Está havendo reação dentro do Ministério da Agricultura contra a indicação de Marcus Vinícius.

Audiências

Na agenda de audiências do governador Wellington Dias, ontem, eram esperados cinco deputados estaduais. 
E, com todos eles, foram feitas tratativas sobre a participação na equipe.

Cargo e apoio

O governador recebeu ontem Georgiano e Júlio César, ambos pai e filho deputado.
Lá, além de uma secretária, os representantes do PSD também pediram apoio do petista para Georgiano na disputa pela prefeitura de Teresina, em 2020.

Apenas quatro

Wellington Dias deve convidar quatro deputados para a equipe. E, com isso, facilitará a vida dos suplentes, dando-lhes vaga na Assembleia Legislativa. 
Como Bessá Filho já se encontra na Assembleia, na vaga de Júlio Arcoverde, serão chamados Warton Lacerda, Ziza Carvalho e Cícero Magalhães.

No mandato

Dessa vez não terá mais aquela situação de o suplente assumir a vaga de outro ser ‘convidado’ para ocupar cargo de secretário. 
O favor do governador ficará apenas no mandato.

O problema

Tem gente fazendo apostas que Júlio Arcoverde não aguenta o fim do mês como secretário de Esporte e Lazer da Prefeitura de Teresina. 
Não que lá tenha tanto trabalho, até porque, quem quiser se esconder dele é só ir ao seu gabinete. 
Parece que o senador se arrependeu da ‘estratégia’.

Salário x salário

É porque Júlio está no prejuízo. Ele licenciou-se do mandato dizendo que iria optar pelo salário de secretário e, por ser assim, está se dando mal. 
O salário de secretário é de pouco mais de R$ 10 mil e o de deputado passa dos R$ 30 mil.
Afora a jurubeba e os penduricalhos.

A chuva e o tomógrafo

O secretário Nunes de Jesus, da prefeitura de São Raimundo Nonato, ficou famoso da noite para o dia. Ou melhor, a partir da sua frase: “a prefeita já me autorizou a contratar uma equipe de tomografia”.
Era para resolver os problemas do alagamento no centro da cidade. Claro que seguramente, ele quis dizer topografia.

Não abre mão

O PT se tornou uma pedra no sapato do governador Wellington Dias. O deputado Francisco Limma foi escalado para listar as secretarias que partido não abre mão. 
SDR: Infraestrutura, Planejamento, ADH e Cultura. Só essas.

Cota pessoal

Sobre as principais, como Saúde, Educação, Fazenda e Administração, o PT, que também as comanda, avisa que “são da cota pessoal do governador”. 

Convite santo

O senador Ciro Nogueira, do PP, avisa que convidou o Presidente Jair Bolsonaro para vir ao Piauí, em setembro, participar da procissão da cidade de Santa Cruz dos Milagres.
Segundo Ciro Nogueira, o presidente já até aceitou o convite.

Em Brasília

O presidente da Assembleia, Themístocles Filho amanhece hoje em Brasília, onde tem audiência marcada com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e com o presidente do senado, David Alcolumbre para tratar da defesa do Banco do Nordeste e a reforma da previdência.
Também será recebido pelo governador Ibaneis Rocha, do Distrito Federal.

Ping-Pong
O pacto contra o chato

O presidente da Academia Piauiense de Letras, Nelson Nery Costa, está providenciando a publicação dos editais para o preenchimento de três cadeiras vagas na instituição. Um repórter do Portal AZ entrevista o acadêmico sobre o assunto:

Repórter: “Dr. Nelson, como é o processo para a escolha dos acadêmicos?”
Nelson Nery: “Muito simples,  é por eleição”.
Repórter: “E quais são os critérios?”
Nelson Nery: “Olhe, aí já complica mais. Temos um pacto para não eleger nenhum chato, inconveniente ou resmungão”.

Expressas

A Polícia Rodoviária Federal iniciará a partir das 0h desta quinta-feira (18), a Operação Semana Santa. A ação deve se estender até às 23h59 do domingo de Páscoa (21). 

Beneficiários devem regularizar até o dia 25 deste mês os dados escolares para não perderem o recebimento do Bolsa Família.

Os professores da Uespi decidiram em assembleia suspender a greve da categoria. A previsão é que as aulas sejam retomadas no dia 22 de abril.

Para viger a partir de primeiro de maio, o presidente Jair Bolsonaro assinou decreto tornando mais simples, ou tornando mais banalizada a relação de tratamento entre agentes públicos. Ou da parte da população para com os gestores com os quais não precisará usar de formalismo numa correspondência porque, pelo decreto não mais serão permitidas as expressões específicas de tratamento. Ou seja, não se pode ou deve endereçar uma correspondência ao ministro chamando-o de “Vossa Excelência”. Basta tão somente a palavra ‘Senhor’. Ou senhora, se a carta for endereçada a uma mulher, por exemplo. Ficam, pois, abolidas, as expressões; Vossa Excelência ou Excelentíssimo; Vossa Senhoria, Vossa Magnissência, Doutor, Ilustre ou ilustríssimo, digno ou digníssimo e ‘respeitável’. Num país em que a língua culta foi pro brejo  nos 12 anos de gestão do PT, onde o próprio Ministério da Educação considerou admitir como tolerável, e, portanto, aceitável o sujeito pronunciar “a gente vamos”, ou “Nós faz”, ou mais precisamente ‘o povo vão’  e os neologismos abreviados pq (por que) e o próprio filho do atual presidente o corrige publicamente na pronuncia equivocada da palavra privilégio, não se pode mais esperar nada. Não custa lembrar, Jânio Quadros (que renunciou aos sete meses de mandato) baixou decreto proibindo briga de galo, uso de biquínis na praia. E tudo continua em uso. 

Themístocles Filho defenderá em Brasília o BNB como banco oficial (Foto: Lucas Sousa / Portal AZ)

Indicação

O médico Marcus Vinícius Cunha Dias foi indicado por sua mulher, a deputada federal Marina Santos, para o cargo de superintendente do Ministério da Agricultura no Piauí. 
Das duas uma: com tantos afazeres da profissão, entre eles, o de ser médico PFS, com 40 horas semanais, fica difícil saber a hora em que Dr. Vinícius pisará o pé no já defasado órgão.

Ah...

Está havendo reação dentro do Ministério da Agricultura contra a indicação de Marcus Vinícius.

Audiências

Na agenda de audiências do governador Wellington Dias, ontem, eram esperados cinco deputados estaduais. 
E, com todos eles, foram feitas tratativas sobre a participação na equipe.

Cargo e apoio

O governador recebeu ontem Georgiano e Júlio César, ambos pai e filho deputado.
Lá, além de uma secretária, os representantes do PSD também pediram apoio do petista para Georgiano na disputa pela prefeitura de Teresina, em 2020.

Apenas quatro

Wellington Dias deve convidar quatro deputados para a equipe. E, com isso, facilitará a vida dos suplentes, dando-lhes vaga na Assembleia Legislativa. 
Como Bessá Filho já se encontra na Assembleia, na vaga de Júlio Arcoverde, serão chamados Warton Lacerda, Ziza Carvalho e Cícero Magalhães.

No mandato

Dessa vez não terá mais aquela situação de o suplente assumir a vaga de outro ser ‘convidado’ para ocupar cargo de secretário. 
O favor do governador ficará apenas no mandato.

O problema

Tem gente fazendo apostas que Júlio Arcoverde não aguenta o fim do mês como secretário de Esporte e Lazer da Prefeitura de Teresina. 
Não que lá tenha tanto trabalho, até porque, quem quiser se esconder dele é só ir ao seu gabinete. 
Parece que o senador se arrependeu da ‘estratégia’.

Salário x salário

É porque Júlio está no prejuízo. Ele licenciou-se do mandato dizendo que iria optar pelo salário de secretário e, por ser assim, está se dando mal. 
O salário de secretário é de pouco mais de R$ 10 mil e o de deputado passa dos R$ 30 mil.
Afora a jurubeba e os penduricalhos.

A chuva e o tomógrafo

O secretário Nunes de Jesus, da prefeitura de São Raimundo Nonato, ficou famoso da noite para o dia. Ou melhor, a partir da sua frase: “a prefeita já me autorizou a contratar uma equipe de tomografia”.
Era para resolver os problemas do alagamento no centro da cidade. Claro que seguramente, ele quis dizer topografia.

Não abre mão

O PT se tornou uma pedra no sapato do governador Wellington Dias. O deputado Francisco Limma foi escalado para listar as secretarias que partido não abre mão. 
SDR: Infraestrutura, Planejamento, ADH e Cultura. Só essas.

Cota pessoal

Sobre as principais, como Saúde, Educação, Fazenda e Administração, o PT, que também as comanda, avisa que “são da cota pessoal do governador”. 

Convite santo

O senador Ciro Nogueira, do PP, avisa que convidou o Presidente Jair Bolsonaro para vir ao Piauí, em setembro, participar da procissão da cidade de Santa Cruz dos Milagres.
Segundo Ciro Nogueira, o presidente já até aceitou o convite.

Em Brasília

O presidente da Assembleia, Themístocles Filho amanhece hoje em Brasília, onde tem audiência marcada com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e com o presidente do senado, David Alcolumbre para tratar da defesa do Banco do Nordeste e a reforma da previdência.
Também será recebido pelo governador Ibaneis Rocha, do Distrito Federal.

Ping-Pong
O pacto contra o chato

O presidente da Academia Piauiense de Letras, Nelson Nery Costa, está providenciando a publicação dos editais para o preenchimento de três cadeiras vagas na instituição. Um repórter do Portal AZ entrevista o acadêmico sobre o assunto:

Repórter: “Dr. Nelson, como é o processo para a escolha dos acadêmicos?”
Nelson Nery: “Muito simples,  é por eleição”.
Repórter: “E quais são os critérios?”
Nelson Nery: “Olhe, aí já complica mais. Temos um pacto para não eleger nenhum chato, inconveniente ou resmungão”.

Expressas

A Polícia Rodoviária Federal iniciará a partir das 0h desta quinta-feira (18), a Operação Semana Santa. A ação deve se estender até às 23h59 do domingo de Páscoa (21). 

Beneficiários devem regularizar até o dia 25 deste mês os dados escolares para não perderem o recebimento do Bolsa Família.

Os professores da Uespi decidiram em assembleia suspender a greve da categoria. A previsão é que as aulas sejam retomadas no dia 22 de abril.

Negando o inquestionável Mão grande

Mais lidas desse blog