Publicidade

E se...

Uma movimentação atípica de um gabinete de um deputado estadual do Rio de Janeiro, Fabrício Queiroz, pode ser uma boa chance de passar a limpo uma prática bastante corriqueira de corrupção, concretizada numa operação aparentemente limpa que consiste em nomear pessoas e pegar delas um “pedágio”, ou seja, apropriar-se de parte considerável da remuneração – a maior parte, aliás. O caso de Queiroz ganhou notoriedade porque ele era um estafeta de um deputado estadual que se elegeu senador e é filho do presidente da República. O caso seria apenas mais uma banalidade na vastidão podre da corrupção sistêmica no pais não fosse o fato de Flávio Bolsonaro ser o filho de presidente Jair Bolsonaro. A situação respinga no presidente e cria no mínimo um grande embaraço para quem chegou ao Planalto a bordo de um discurso de moralização da atividade política e da vida pública. Bem, é o que se espera que ocorra, podendo começar pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) ampliar seu olhar para todas as Assembleias Legislativas e pelo menos as Câmaras de Vereadores das cidades com mais de 100 mil almas. Haveria um escândalo de dimensões bíblicas, para dizer o mínimo. E isso poderia até fazer o jovem Bolsonaro apenas um sujeito descuidado que não soube agir na conformidade da lei.

O Véin Trabalhador disse que Renan Calheiros deveria sair da disputa no Senado (Fotos: Lucas Sousa / Portal AZ | Fabio Rodrigues /Agência Brasil)

Cai fora

Cheio de intimidades com o novo governo, o Véin Trabalhador andou dando conselhos a Renan Calheiros (MDB-AL). Disse o senador do Piauí que o colega alagoano deveria considerar um recuo na disputa pela Presidência do Senado.

Recuo

Nas palavras de Elmano Férrer, agora no Podemos, o movimento não é de uma quarta vez de Renan Calheiros no comando do Senado, porque há resistência dentro e fora da Casa, onde a internet foi tomada por uma onda anti-Renan.

Clique aqui e inscreva-se no canal Arimatéia Azevedo

YouTube 

Este jornalista agora está com um canal de vídeos no YouTube. Nesse novo espaço, você irá ter notícias recorrentes do cotidiano, comentários, denúncias e muito mais. Inscreva-se no canal e acompanhe todo o conteúdo!

Olhar atento

Das 185 súmulas do Tribunal Superior do Trabalho (TST) que tratam de direito material (sem contar as de questões processuais), 86 atendem à tese dos empregadores, 89 dão interpretação conforme a lei ou seguem a tese dos trabalhadores e 10 atendem em parte a tese dos empregadores e trabalhadores.

Olhar equivocado

O levantamento foi realizado pelo procurador do trabalho do Rio de Janeiro e professor de direito do trabalho e processo do trabalho na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Rodrigo de Lacerda Carelli. Para ele, esses dados desmistificam a tese de que existe uma tendência do TST em julgar a favor dos trabalhadores

Previdência

Entre 2015 e 2018, o aumento do valor gasto pelo governo do Piauí para cobrir o déficit do pagamento de benefícios previdenciários estaduais subiu 12,56% - somente considerando aposentados e pensionistas do Executivo. O gasto a maior em quatro anos foi de R$ 204,2 milhões.

Bem ruim

Os dados são da Fundação Piauí Previdência, que contabiliza uma folha de proventos onde estão 42.452 pessoas – praticamente o mesmo número de servidores em atividade no Executivo, que é de 46.430.

Vai piorar

Os números do Regime Próprio de Previdência do Estado, que este ano deve fechar com um déficit de R$ 1,2 bilhão, considerando todas as despesas com proventos. No ano passado, mais 2.183 pessoas entraram na folha de inativos e pensionistas do Estado.

Semana decisiva

Esta semana vai ser decisiva para a escolha do novo presidente da Assembleia Legislativa. O que se diz nos bastidores é que vencerá a queda de braço quem conseguir ser menos traído ao longo dos próximos dias.

Emir Maia Martins Neto (Foto: reprodução internet)

Delegado

Emir Maia Martins Neto é o novo corregedor-geral da Polícia Civil. Ele foi nomeado na quarta-feira pelo governador Wellington Dias (PT), em substituição ao delegado Roberto Carlos Sales da Silva, exonerado de ofício, ou seja, sem que tenha pedido para sair.

The Vejo na Ponte ocorre no estacionamento da Ponte Estaiada (Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ)

Música boa

Hoje tem mais um The Vejo na Ponte, evento da Prefeitura para a apresentação de bandas e cantores locais. Será no espaço de cultura e lazer da ponte Estaiada. No cardápio musical, Validuaté, Top Gun, Full Reggae, Prowler, Alma Roots, Bia e os Becks, Téofilo, Vavá Ribeiro e Flávio Moura.

Elmano Férrer bastante animado em visita ao centro histórico de Oeiras 

Tipos animados 

O Expedição Sertão Colonial promoveu palestra sobre a importância do patrimônio cultural e promoveu passeio pelo centro histórico de Oeiras. 
E, também, permitiu cenas carnavalescas em que o senador Véim Elmano se montava no Pierrot e a deputada Margô, na Colombina. 
Dois fagueiras dançadores. 

Ping- Pong

Bêbado esperto

Eleição de 2010. Caminhando na Praça Saraiva, o senador Mão Santa (PSC) encontra um bêbado e lhe entrega um santinho e pede o voto.

Mão Santa: “vote 200”.
O bêbado: “Pois me dê 200”.
Mão Santa: “Rapaz, desse jeito tu quer que eu perca, é?”
O bêbado: “E o senhor acha que eu vou comemorar sua vitória liso, sem tomar uma?”

Expressas

Os coletivos de cultura Geleia Total e Expedição Sertão Colonial movimentaram Oeiras neste fim de semana.

O Geleia Total fez mostras de documentários e um show musical, além de manter contatos com artistas da cidade.

A Strans finaliza no dia 31 desse mês a vistoria e renovação das permissões dos veículos que fazem o transporte escolar.

Uma movimentação atípica de um gabinete de um deputado estadual do Rio de Janeiro, Fabrício Queiroz, pode ser uma boa chance de passar a limpo uma prática bastante corriqueira de corrupção, concretizada numa operação aparentemente limpa que consiste em nomear pessoas e pegar delas um “pedágio”, ou seja, apropriar-se de parte considerável da remuneração – a maior parte, aliás. O caso de Queiroz ganhou notoriedade porque ele era um estafeta de um deputado estadual que se elegeu senador e é filho do presidente da República. O caso seria apenas mais uma banalidade na vastidão podre da corrupção sistêmica no pais não fosse o fato de Flávio Bolsonaro ser o filho de presidente Jair Bolsonaro. A situação respinga no presidente e cria no mínimo um grande embaraço para quem chegou ao Planalto a bordo de um discurso de moralização da atividade política e da vida pública. Bem, é o que se espera que ocorra, podendo começar pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) ampliar seu olhar para todas as Assembleias Legislativas e pelo menos as Câmaras de Vereadores das cidades com mais de 100 mil almas. Haveria um escândalo de dimensões bíblicas, para dizer o mínimo. E isso poderia até fazer o jovem Bolsonaro apenas um sujeito descuidado que não soube agir na conformidade da lei.

O Véin Trabalhador disse que Renan Calheiros deveria sair da disputa no Senado (Fotos: Lucas Sousa / Portal AZ | Fabio Rodrigues /Agência Brasil)

Cai fora

Cheio de intimidades com o novo governo, o Véin Trabalhador andou dando conselhos a Renan Calheiros (MDB-AL). Disse o senador do Piauí que o colega alagoano deveria considerar um recuo na disputa pela Presidência do Senado.

Recuo

Nas palavras de Elmano Férrer, agora no Podemos, o movimento não é de uma quarta vez de Renan Calheiros no comando do Senado, porque há resistência dentro e fora da Casa, onde a internet foi tomada por uma onda anti-Renan.

Clique aqui e inscreva-se no canal Arimatéia Azevedo

YouTube 

Este jornalista agora está com um canal de vídeos no YouTube. Nesse novo espaço, você irá ter notícias recorrentes do cotidiano, comentários, denúncias e muito mais. Inscreva-se no canal e acompanhe todo o conteúdo!

Olhar atento

Das 185 súmulas do Tribunal Superior do Trabalho (TST) que tratam de direito material (sem contar as de questões processuais), 86 atendem à tese dos empregadores, 89 dão interpretação conforme a lei ou seguem a tese dos trabalhadores e 10 atendem em parte a tese dos empregadores e trabalhadores.

Olhar equivocado

O levantamento foi realizado pelo procurador do trabalho do Rio de Janeiro e professor de direito do trabalho e processo do trabalho na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Rodrigo de Lacerda Carelli. Para ele, esses dados desmistificam a tese de que existe uma tendência do TST em julgar a favor dos trabalhadores

Previdência

Entre 2015 e 2018, o aumento do valor gasto pelo governo do Piauí para cobrir o déficit do pagamento de benefícios previdenciários estaduais subiu 12,56% - somente considerando aposentados e pensionistas do Executivo. O gasto a maior em quatro anos foi de R$ 204,2 milhões.

Bem ruim

Os dados são da Fundação Piauí Previdência, que contabiliza uma folha de proventos onde estão 42.452 pessoas – praticamente o mesmo número de servidores em atividade no Executivo, que é de 46.430.

Vai piorar

Os números do Regime Próprio de Previdência do Estado, que este ano deve fechar com um déficit de R$ 1,2 bilhão, considerando todas as despesas com proventos. No ano passado, mais 2.183 pessoas entraram na folha de inativos e pensionistas do Estado.

Semana decisiva

Esta semana vai ser decisiva para a escolha do novo presidente da Assembleia Legislativa. O que se diz nos bastidores é que vencerá a queda de braço quem conseguir ser menos traído ao longo dos próximos dias.

Emir Maia Martins Neto (Foto: reprodução internet)

Delegado

Emir Maia Martins Neto é o novo corregedor-geral da Polícia Civil. Ele foi nomeado na quarta-feira pelo governador Wellington Dias (PT), em substituição ao delegado Roberto Carlos Sales da Silva, exonerado de ofício, ou seja, sem que tenha pedido para sair.

The Vejo na Ponte ocorre no estacionamento da Ponte Estaiada (Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ)

Música boa

Hoje tem mais um The Vejo na Ponte, evento da Prefeitura para a apresentação de bandas e cantores locais. Será no espaço de cultura e lazer da ponte Estaiada. No cardápio musical, Validuaté, Top Gun, Full Reggae, Prowler, Alma Roots, Bia e os Becks, Téofilo, Vavá Ribeiro e Flávio Moura.

Elmano Férrer bastante animado em visita ao centro histórico de Oeiras 

Tipos animados 

O Expedição Sertão Colonial promoveu palestra sobre a importância do patrimônio cultural e promoveu passeio pelo centro histórico de Oeiras. 
E, também, permitiu cenas carnavalescas em que o senador Véim Elmano se montava no Pierrot e a deputada Margô, na Colombina. 
Dois fagueiras dançadores. 

Ping- Pong

Bêbado esperto

Eleição de 2010. Caminhando na Praça Saraiva, o senador Mão Santa (PSC) encontra um bêbado e lhe entrega um santinho e pede o voto.

Mão Santa: “vote 200”.
O bêbado: “Pois me dê 200”.
Mão Santa: “Rapaz, desse jeito tu quer que eu perca, é?”
O bêbado: “E o senhor acha que eu vou comemorar sua vitória liso, sem tomar uma?”

Expressas

Os coletivos de cultura Geleia Total e Expedição Sertão Colonial movimentaram Oeiras neste fim de semana.

O Geleia Total fez mostras de documentários e um show musical, além de manter contatos com artistas da cidade.

A Strans finaliza no dia 31 desse mês a vistoria e renovação das permissões dos veículos que fazem o transporte escolar.

A ira dos suplentes Cheiro de podre

Mais lidas desse blog