1. Editorias
  2. AZ nas Eleições
  3. Wellington Dias vota e se diz confiante na virada de Haddad
Publicidade

Wellington Dias vota e se diz confiante na virada de Haddad

O governador do Piauí votou ao lado da primeira-dama e do senador eleito Marcelo Castro

O governador Wellington Dias chegou em seu local de votação, na escola Monsenhor Raimundo Melo, na zona Leste de Teresina, por volta das 10h da manhã deste domingo (28), acompanhado da primeira-dama, Rejane Dias e do senador eleito, Marcelo Castro (MDB).

Foto:Lucas Sousa

O petista diz estar confiante na virada de voto do eleitor em prol de Fernando Haddad, o candidato do PT à presidência da república.

Wellington afirma que a pesquisa encomendada pelo instituto Vox Popupi/ CUT as vésperas da eleição aponta empate técnico entre os dois candidatos.

Foto:Lucas Sousa

“Eu estou muito confiante porque acho que o eleitor percebeu que essa eleição é mais que uma disputa, estamos definindo aqui o que queremos para o Brasil e percebo que há uma decisão de votar pelo Brasil e isso está muito acima de partidos”, afirmou.

Wellington Dias informou que se surpreendeu com a votação de Jair Bolsonaro no país e que Fernando Haddad teve um número de votos no Piauí dentro da margem de sua expectativa no primeiro turno.

Foto:Lucas Sousa

“Agora eu acho que a votação de Haddad aumenta não só no Piauí, mas em todo o Brasil, as pesquisas nos Estados já mostram um forte crescimento de Haddad e uma queda de Bolsonaro.

Fake News

O governador também apontou como um fator novo as chamadas “fake news”, notícias falsas que são divulgadas pela internet.

Wellington disse ainda que quando senador apoiou projeto de lei de fortalecimento de investigação de crimes a partir de telefones celulares.

“Se tem colocado a imagem de uma pessoa na lama por meios que legalmente não são possíveis e chegam a todas as pessoas”, disse.

Confira ao vídeo:

O governador Wellington Dias chegou em seu local de votação, na escola Monsenhor Raimundo Melo, na zona Leste de Teresina, por volta das 10h da manhã deste domingo (28), acompanhado da primeira-dama, Rejane Dias e do senador eleito, Marcelo Castro (MDB).

ddd

Foto:Lucas Sousa

O petista diz estar confiante na virada de voto do eleitor em prol de Fernando Haddad, o candidato do PT à presidência da república.

Wellington afirma que a pesquisa encomendada pelo instituto Vox Popupi/ CUT as vésperas da eleição aponta empate técnico entre os dois candidatos.

ffff

Foto:Lucas Sousa

“Eu estou muito confiante porque acho que o eleitor percebeu que essa eleição é mais que uma disputa, estamos definindo aqui o que queremos para o Brasil e percebo que há uma decisão de votar pelo Brasil e isso está muito acima de partidos”, afirmou.

Wellington Dias informou que se surpreendeu com a votação de Jair Bolsonaro no país e que Fernando Haddad teve um número de votos no Piauí dentro da margem de sua expectativa no primeiro turno.

ddd

Foto:Lucas Sousa

“Agora eu acho que a votação de Haddad aumenta não só no Piauí, mas em todo o Brasil, as pesquisas nos Estados já mostram um forte crescimento de Haddad e uma queda de Bolsonaro.

Fake News

O governador também apontou como um fator novo as chamadas “fake news”, notícias falsas que são divulgadas pela internet.

Wellington disse ainda que quando senador apoiou projeto de lei de fortalecimento de investigação de crimes a partir de telefones celulares.

“Se tem colocado a imagem de uma pessoa na lama por meios que legalmente não são possíveis e chegam a todas as pessoas”, disse.

Confira ao vídeo: