1. Editorias
  2. Big Brother Brasil
  3. Fora do 'BBB19', Rodrigo vai abrir ação após mensagens racistas em rede social: 'Não posso me calar'
Publicidade

Fora do 'BBB19', Rodrigo vai abrir ação após mensagens racistas em rede social: 'Não posso me calar'

'Talvez eu tenha entrado nesse programa pra isso', afirmou o participante, que foi eliminado nesta terça-feira (2), durante conversa com Ana Maria Braga

Rodrigo foi eliminado na noite desta terça-feira (2) no “BBB19” e, horas depois, participava do programa “Mais Você”. Na manhã desta quarta-feira (3), o cientista social conversou com Ana Maria Braga e se emocionou inúmeras vezes. Em uma delas, falava sobre racismo com a apresentadora.

Rodrigo participa do programa "Mais Você" — Foto: Reprodução/Instagram

A atração mostrou alguns vídeos do reality show em que Rodrigo fez várias explanações sobre o tema durante sua participação. Ao final das imagens, Ana Maria explicou que Rodrigo teve acesso às mensagens com ataques racistas e intolerância religiosa nas redes sociais e estava bastante abalado.

Emocionado, o ex-brother explicou, que já está em contato com seu advogado para tomar atitudes e pretende abrir um processo contra os responsáveis pelas mensagens.

“Não é só uma relação de desconhecimento, de ignorância, é relação de maldade mesmo. Não é só por mim [que farei isso]. Não posso me calar de forma alguma. Talvez eu tenha entrado nesse programa pra isso. Talvez minha missão tenha sido provocar esse tipo de reflexão”, afirmou Rodrigo.

“Cada um tem sua crença ou não crença e isso tem que ser respeitado”, seguiu o ex-participante, que é praticante do Candomblé.

Polêmica sobre o ronco

Outro tema levantado na entrevista foi a polêmica sobre o ronco de Rodrigo. Alguns participantes ficaram sem dormir no início do jogo e reclamaram do jogador.

Ele começou explicando que sofre de intolerância à lactose. “O que faz eu desenvolver muito muco. E falei: ‘como não estou fazendo espetáculo, deixa eu tomar leite e comer muito queijo. Aí com o carpete, a camurça, o edredom, potencializou...”, explicou Rodrigo.

Antes de finalizar, o brother assistiu ao vídeo de sua mãe cantando o funk “deixa o menino roncar”.

“Minha mãe topou entrar nessa declaração de amor diferenciada”, celebrou ele, antes de comentar as críticas recebidas.

“O que levei disso tudo? Num quarto que todo mundo roncava e a problemática era eu... A gente lida mal com a diferença do outro. Da forma que foi construída, isso me afetou muito. Não foi uma conversa. Se colocou uma assembleia como se eu tivesse roubado algo”.

“E descobri que todo mundo daquele quarto roncava. Então por que só o Rodrigo?”, questionou.

Rodrigo foi eliminado na noite desta terça-feira (2) no “BBB19” e, horas depois, participava do programa “Mais Você”. Na manhã desta quarta-feira (3), o cientista social conversou com Ana Maria Braga e se emocionou inúmeras vezes. Em uma delas, falava sobre racismo com a apresentadora.

Rodrigo participa do programa "Mais Você" — Foto: Reprodução/Instagram

A atração mostrou alguns vídeos do reality show em que Rodrigo fez várias explanações sobre o tema durante sua participação. Ao final das imagens, Ana Maria explicou que Rodrigo teve acesso às mensagens com ataques racistas e intolerância religiosa nas redes sociais e estava bastante abalado.

Emocionado, o ex-brother explicou, que já está em contato com seu advogado para tomar atitudes e pretende abrir um processo contra os responsáveis pelas mensagens.

“Não é só uma relação de desconhecimento, de ignorância, é relação de maldade mesmo. Não é só por mim [que farei isso]. Não posso me calar de forma alguma. Talvez eu tenha entrado nesse programa pra isso. Talvez minha missão tenha sido provocar esse tipo de reflexão”, afirmou Rodrigo.

“Cada um tem sua crença ou não crença e isso tem que ser respeitado”, seguiu o ex-participante, que é praticante do Candomblé.

Polêmica sobre o ronco

Outro tema levantado na entrevista foi a polêmica sobre o ronco de Rodrigo. Alguns participantes ficaram sem dormir no início do jogo e reclamaram do jogador.

Ele começou explicando que sofre de intolerância à lactose. “O que faz eu desenvolver muito muco. E falei: ‘como não estou fazendo espetáculo, deixa eu tomar leite e comer muito queijo. Aí com o carpete, a camurça, o edredom, potencializou...”, explicou Rodrigo.

Antes de finalizar, o brother assistiu ao vídeo de sua mãe cantando o funk “deixa o menino roncar”.

“Minha mãe topou entrar nessa declaração de amor diferenciada”, celebrou ele, antes de comentar as críticas recebidas.

“O que levei disso tudo? Num quarto que todo mundo roncava e a problemática era eu... A gente lida mal com a diferença do outro. Da forma que foi construída, isso me afetou muito. Não foi uma conversa. Se colocou uma assembleia como se eu tivesse roubado algo”.

“E descobri que todo mundo daquele quarto roncava. Então por que só o Rodrigo?”, questionou.