1. Editorias
  2. Polícia
  3. Polícia Civil cumpre mandado de prisão contra acusado de homicídio
Publicidade

Polícia Civil cumpre mandado de prisão contra acusado de homicídio

Ele apontado como o responsável pela morte de Antonio Marcos Vieira, no dia 28 de abril de 2019, na zona rural da cidade

A Polícia Civil prendeu Francinaldo de Matos Freitas; ele é acusado de um homicídio na zona rural de Altos, situada a 40 quilômetros de Teresina. O mandado de prisão preventiva em desfavor do indivíduo foi cumprido na tarde desta quarta-feira (15).

Francinaldo de Matos Freitas (Foto: Divulgação/Polícia Civil de Altos)

Segundo a polícia, Francinaldo é o responsável pela morte de Antonio Marcos Vieira no dia 28 de abril de 2019. A vítima sofreu traumatismo cranioencefálico depois de ter a cabeça chutada e pisada várias vezes. O fato aconteceu na localidade Corte do Meio.

“Diante de hediondo crime, a Polícia Civil de altos iniciou as investigações concluiu a autoria e materialidade do fato e conseguintemente representou pela prisão preventiva”, destacou o coordenador da Polícia Civil de Altos, delegado Tomaz de Aquino. Ainda segundo o delegado, Francinaldo não revelou o motivo da execução.

O delegado Tomaz de Aquino (Foto: divulgação/Portal JN)

O acusado foi encontrado em sua residência, localizada em Altos. Ele foi levado para o 14° Distrito Policial, onde ainda se encontra preso à disposição da Justiça.

A Polícia Civil prendeu Francinaldo de Matos Freitas; ele é acusado de um homicídio na zona rural de Altos, situada a 40 quilômetros de Teresina. O mandado de prisão preventiva em desfavor do indivíduo foi cumprido na tarde desta quarta-feira (15).

Francinaldo de Matos Freitas (Foto: Divulgação/Polícia Civil de Altos)

Segundo a polícia, Francinaldo é o responsável pela morte de Antonio Marcos Vieira no dia 28 de abril de 2019. A vítima sofreu traumatismo cranioencefálico depois de ter a cabeça chutada e pisada várias vezes. O fato aconteceu na localidade Corte do Meio.

“Diante de hediondo crime, a Polícia Civil de altos iniciou as investigações concluiu a autoria e materialidade do fato e conseguintemente representou pela prisão preventiva”, destacou o coordenador da Polícia Civil de Altos, delegado Tomaz de Aquino. Ainda segundo o delegado, Francinaldo não revelou o motivo da execução.

O delegado Tomaz de Aquino (Foto: divulgação/Portal JN)

O acusado foi encontrado em sua residência, localizada em Altos. Ele foi levado para o 14° Distrito Policial, onde ainda se encontra preso à disposição da Justiça.