Editorias
  1. AZ Esporte
  2. Em reunião, técnicos dos Jogos Escolares decidem não retornar a Teresina até terem melhores condições
Publicidade

Em reunião, técnicos dos Jogos Escolares decidem não retornar a Teresina até terem melhores condições

A delegação se pronunciou através de vídeo após problemas sofridos no translado de Teresina a Natal (RN)

No final da noite de ontem (13) em reunião entre professores e alunos que estão em Natal (RN), disputando a fase regional dos Jogos Escolares, decidiram por não retornar a Teresina enquanto a frota de ônibus oferecida pela FUNDESPI não for trocada. No começo da semana, a delegação de basquete e vôlei ficou por duas vezes no prego em Teresina e em Fortaleza. Assim a viagem duraria 16h acabou durando 30h e os atletas e técnicos chegaram horas antes de iniciarem as competições. 

“Em virtude dos problemas acontecidos, do transporte de Teresina a Natal, a comissão de professores responsáveis pelos alunos atletas que estão nos Jogos da Juventude definiu que não vão retornar a sua cidade de origem nesses ônibus que estão que aqui se encontram. Viemos aqui salientar e pedir a posição responsável pela contratação desses ônibus para que a gente possa retornar em segurança com nossos alunos atletas para o nosso local de origem”, afirmou no vídeo o treinador, Evaldo Junior. 

Esse ano, as modalidades coletivas passam por uma fase regional para conquistar a vaga na fase nacional d competição escolar. O Piauí tem atletas nas modalidades de basquete, vôlei, handebol e futsal, nas categorias masculino e feminino. Hoje pela manhã o treinador de handebol, Giuliano Ramos afirmou que a FUNDESPI, já deu uma resposta. Aos técnicos foi pedido para fazer uma documentação assinada por todos eles que será encaminhada ao presidente da FUNDESPI, Ribamar Araujo, que tomara atitudes junto ao setor jurídico da FUNDESPI. Afirmaram ainda que tomarão as atitudes necessárias para que todos possam ter um bom retorno. 
 

Publicidade