1. Blogs
  2. Atualidade Jurídica
  3. Cerveja: como aproveitá-la sem prejudicar a saúde
Publicidade

Cerveja: como aproveitá-la sem prejudicar a saúde

O verão está aí, com temperaturas nas alturas. Assim, fica difícil dispensar aquela cerveja bem gelada.  Alguns alertam que o consumo da bebida causa problemas como alcoolismo e doenças hepáticas (quando feito em excesso, claro). Mas também há benefícios acompanhando a bebida. 

Segundo estudo publicado nos Estados Unidos1, o álcool pode reduzir em até 23% a probabilidade da pessoa sofrer alguma disfunção cognitiva ou Mal de Alzheimer na velhice. Mas atenção: o estudo considera, no entanto, o consumo de dois “drinques” por dia, no caso dos homens, e um, para as mulheres  

Benefícios

Além disso, de acordo com um estudo publicado no Clinical Journal of the American Society of Nephrology, a cerveja (consumida moderadamente) pode reduzir em até 40% as chances de desenvolver pedras nos rins. O consumo moderado também parece ser um aliado na prevenção de alguns tipos de câncer, devido ao xanthohumol, composto químico presente no lúpulo (insumo para a produção da bebida).

Outra: a presença de antioxidantes na bebida, os chamados polifenóis que existem no malte e no lúpulo, têm sido comprovados por estudos como eficazes no aumento da sensibilidade à insulina, podendo ser útil para os diabéticos tipo 2, melhorando os perfis glicêmicos.

Um dos minerais mais importantes na cerveja é o silício. Este oligoelemento desempenha um papel fundamental na densidade mineral óssea, como na prevenção de fraturas e manutenção de colágeno, encontrando-se abundantemente no malte

Sem álcool

Para os praticantes de exercício físico, convém sublinhar que as vitaminas do complexo B, sódio, magnésio e um alto teor em água fazem desta bebida, na sua versão sem álcool, uma excelente aliada na vitalidade e hidratação

Isso porque as vitaminas do complexo B são, por excelência, vitais para a contração muscular; o sódio e o magnésio como eletrólitos - sais minerais - importantes para a manutenção do normal funcionamento das células, nervos e músculos; e a água como hidratante.

Fonte: Estadão Conteúdo

III Caminhada pela Valorização da Vida acontece domingo (8)

Desde 2015 o mês de setembro é marcado pelo alerta a prevenção ao suicídio com a campanha Setembro Amarelo. No próximo domingo (8), o Centro de Valorização da Vida  (CVV) e outras organizações de apoio marcham para chamar a atenção da população. O ato será realizado às 17h, com concentração no balão próximo ao prédio Eurobussiness, na zona Leste da capital.  

Papa Francisco encerra visita a Moçambique com apelo à reconciliação


O papa Francisco encerrou ontem (6) a visita de dois dias a Moçambique. Ele visitou nesta sexta-feira o Hospital de Zimpeto antes de celebrar uma missa no estádio local, com a presença de milhares de fiéis. O papa segue ainda hoje para Madagascar e no dia 9, para as Ilhas Maurício.

Francisco foi o segundo chefe máximo da Igreja Católica a visitar Moçambique, depois de João Paulo II, em 1988.

Ele fez um apelo para o combate à corrupção no país, onde há muitas riquezas, mas grande parte da população vive na pobreza.

"Moçambique tem um território cheio de recursos naturais e culturais", destacou, mas apesar dessas riquezas, "uma quantidade enorme da população vive abaixo do nível de pobreza", disse ele durante a homília na missa campal no Estádio Nacional do Zimpeto.

Segundo o papa, "por vezes, parece que aqueles que se aproximam com suposto desejo de ajudar, têm outros interesses. É triste quando isso se verifica entre irmãos da mesma terra, que se deixam corromper".

"É muto perigoso aceitar que a corrupção seja o preço que temos de pagar pela ajuda externa", sublinhou, fazendo um voto: "que não seja assim entre vós".

A utilização dos recursos naturais de Moçambique a favor de toda a população, por um lado, e o combate à corrupção e às desigualdades, por outro, são temas que têm motivado o debate pela sociedade moçambicana nos últimos anos.

O país assiste, desde 2016, ao desenrolar das investigações no caso de dívidas ocultas,no valor de US$ 2,2 bilhões, com várias figuras ligadas ao Estado, ex-banqueiros e negociantes estrangeiros detidos por suspeita de fraude, lavagem de dinheiro, corrupção e outros crimes.

As dívidas foram suportadas por garantias soberanas entre 2013 e 2014, mas o dinheiro nunca chegou às empresas estatais a que se destinaria, afundando a economia nacional.

Moçambique deverá tornar-se, na próxima década, um dos dez principais fornecedores de gás natural liquefeito do mundo, criando riqueza que deverá impulsionar o crescimento económico do país e reduzir bastante a pobreza - que ainda afeta cerca de metade dos 28 milhões de habitantes.

Prime Academia - Seja Prime você também

Pensamento do dia

Fonte: Estadão Conteúdo

O verão está aí, com temperaturas nas alturas. Assim, fica difícil dispensar aquela cerveja bem gelada.  Alguns alertam que o consumo da bebida causa problemas como alcoolismo e doenças hepáticas (quando feito em excesso, claro). Mas também há benefícios acompanhando a bebida. 

Segundo estudo publicado nos Estados Unidos1, o álcool pode reduzir em até 23% a probabilidade da pessoa sofrer alguma disfunção cognitiva ou Mal de Alzheimer na velhice. Mas atenção: o estudo considera, no entanto, o consumo de dois “drinques” por dia, no caso dos homens, e um, para as mulheres  

Benefícios

Além disso, de acordo com um estudo publicado no Clinical Journal of the American Society of Nephrology, a cerveja (consumida moderadamente) pode reduzir em até 40% as chances de desenvolver pedras nos rins. O consumo moderado também parece ser um aliado na prevenção de alguns tipos de câncer, devido ao xanthohumol, composto químico presente no lúpulo (insumo para a produção da bebida).

Outra: a presença de antioxidantes na bebida, os chamados polifenóis que existem no malte e no lúpulo, têm sido comprovados por estudos como eficazes no aumento da sensibilidade à insulina, podendo ser útil para os diabéticos tipo 2, melhorando os perfis glicêmicos.

Um dos minerais mais importantes na cerveja é o silício. Este oligoelemento desempenha um papel fundamental na densidade mineral óssea, como na prevenção de fraturas e manutenção de colágeno, encontrando-se abundantemente no malte

Sem álcool

Para os praticantes de exercício físico, convém sublinhar que as vitaminas do complexo B, sódio, magnésio e um alto teor em água fazem desta bebida, na sua versão sem álcool, uma excelente aliada na vitalidade e hidratação

Isso porque as vitaminas do complexo B são, por excelência, vitais para a contração muscular; o sódio e o magnésio como eletrólitos - sais minerais - importantes para a manutenção do normal funcionamento das células, nervos e músculos; e a água como hidratante.

Fonte: Estadão Conteúdo

III Caminhada pela Valorização da Vida acontece domingo (8)

Desde 2015 o mês de setembro é marcado pelo alerta a prevenção ao suicídio com a campanha Setembro Amarelo. No próximo domingo (8), o Centro de Valorização da Vida  (CVV) e outras organizações de apoio marcham para chamar a atenção da população. O ato será realizado às 17h, com concentração no balão próximo ao prédio Eurobussiness, na zona Leste da capital.  

Papa Francisco encerra visita a Moçambique com apelo à reconciliação


O papa Francisco encerrou ontem (6) a visita de dois dias a Moçambique. Ele visitou nesta sexta-feira o Hospital de Zimpeto antes de celebrar uma missa no estádio local, com a presença de milhares de fiéis. O papa segue ainda hoje para Madagascar e no dia 9, para as Ilhas Maurício.

Francisco foi o segundo chefe máximo da Igreja Católica a visitar Moçambique, depois de João Paulo II, em 1988.

Ele fez um apelo para o combate à corrupção no país, onde há muitas riquezas, mas grande parte da população vive na pobreza.

"Moçambique tem um território cheio de recursos naturais e culturais", destacou, mas apesar dessas riquezas, "uma quantidade enorme da população vive abaixo do nível de pobreza", disse ele durante a homília na missa campal no Estádio Nacional do Zimpeto.

Segundo o papa, "por vezes, parece que aqueles que se aproximam com suposto desejo de ajudar, têm outros interesses. É triste quando isso se verifica entre irmãos da mesma terra, que se deixam corromper".

"É muto perigoso aceitar que a corrupção seja o preço que temos de pagar pela ajuda externa", sublinhou, fazendo um voto: "que não seja assim entre vós".

A utilização dos recursos naturais de Moçambique a favor de toda a população, por um lado, e o combate à corrupção e às desigualdades, por outro, são temas que têm motivado o debate pela sociedade moçambicana nos últimos anos.

O país assiste, desde 2016, ao desenrolar das investigações no caso de dívidas ocultas,no valor de US$ 2,2 bilhões, com várias figuras ligadas ao Estado, ex-banqueiros e negociantes estrangeiros detidos por suspeita de fraude, lavagem de dinheiro, corrupção e outros crimes.

As dívidas foram suportadas por garantias soberanas entre 2013 e 2014, mas o dinheiro nunca chegou às empresas estatais a que se destinaria, afundando a economia nacional.

Moçambique deverá tornar-se, na próxima década, um dos dez principais fornecedores de gás natural liquefeito do mundo, criando riqueza que deverá impulsionar o crescimento económico do país e reduzir bastante a pobreza - que ainda afeta cerca de metade dos 28 milhões de habitantes.

Prime Academia - Seja Prime você também

Pensamento do dia

Fonte: Estadão Conteúdo

Câmara aprova PEC que assegura o direito à legítima defesa Bolsonaro sanciona lei de abuso de autoridade com vetos