1. Blogs
  2. Josenildo Melo
  3. A vida de oração
Publicidade

A vida de oração

Ter uma vida de oração não é apenas algo restrito a quem tem obrigação a este ofício. Deus chama a todos pra santidade. O que é santidade? Para os Cristãos, viver uma vida de santidade significa abdicar de práticas que são consideradas abomináveis diante de Deus. Significa viver comprometido com tudo aquilo que é tido como santo no sentido de ser honesto, limpo, louvável, correto, benigno e etc. Santidade é a qualidade ou característica de quem pode ser considerado santo, ou seja, dotado de virtudes, inocência, piedade e pureza. De acordo com informações públicas, o conceito de santidade é intimamente relacionado com a religiosidade e a fé. De acordo com a doutrina cristã, a santificação é o processo de tornar algo ou alguém santo, ou seja, que possui santidade. A santidade se trata da separação e da renúncia daquilo que é considerado impuro, a partir da dedicação a uma vida de devoção e consagração total a Deus. E qual o caminho pra santidade? A Vida de Oração. Sempre é bom lembrar: tudo aqui é simplesmente vaidade!

Orar em tempos difíceis? Rezar nos bons momentos da vida? Como podemos encontrar a Deus se estamos vazios? Por isso é muito importante a boa leitura. Livros bons; pensamentos bons. Música boa; vida harmoniosa. E o que define o bom perguntar-se-ão os relativistas? O conceito etimológico do termo é realmente necessário? Tempos bons aqueles onde prosperava o entendimento sem resvalos contextuais? Pessoas calmas costumam transmitir serenidade. Vida organizada produz pessoas organizadas. É a vida.

Como podemos ter uma vida de oração em meio à correria pela sobrevivência? Ninguém tem resposta pronta a estas indagações. Certo mesmo é que somos finitos. Pra onde corremos tanto? O que provoca tanta agonia e insegurança no mundo moderno? Casas de Retiro costumam ficar abarrotadas nos meses de julho e dezembro. A sede de Deus é latente no ser humano. Mas quem geralmente ora ou reza é pior do que quem nem liga pra isso? A saúde mental é muito importante. Mantenha o foco do seu equilíbrio.

Uma boa caminhada. Correr aos finais de semana. Praticar esportes. Andar de bicicleta. Tudo isso contribui pra uma boa vida de oração. Orar, rezar requer certa preparação. Os monges possuem vida de oração, mas também atividades laborais. A amplitude da vida reflete na vida de oração. Mas estamos com saudades de ir a um templo religioso? Tudo passa. A paciência tudo alcança. Muitos sobrevivem até mesmo sem uma vida de oração. Perceba a vida de um homem do “campo”. A natureza provoca reflexões.

O encontro com Deus através da oração é salutar e realmente muito importante. Até mesmo os meios mais modernos de interatividade tendem a valorizar o ato de orar. Rezar significa recolher-se um pouco. Sentir que somos pó e ao pó retornaremos. Tudo é vaidade. Aqui tudo é vaidade diz a Sagrada Escritura. Mais não é mera perca de tempo? Perguntar-se-ão os céticos? Não, não é mesmo. Muitas coisas nesta vida fogem à razão. O silêncio tem seu lado acalentador. A vida de oração torna-se prazerosa à medida que o coração se abre à escuta! Os grandes reis e estadistas sempre procuraram ouvir a Deus. 

Se quiser reformar o Mundo Comece por si Mesmo – Santo Inácio de Loyola

Ter uma vida de oração não é apenas algo restrito a quem tem obrigação a este ofício. Deus chama a todos pra santidade. O que é santidade? Para os Cristãos, viver uma vida de santidade significa abdicar de práticas que são consideradas abomináveis diante de Deus. Significa viver comprometido com tudo aquilo que é tido como santo no sentido de ser honesto, limpo, louvável, correto, benigno e etc. Santidade é a qualidade ou característica de quem pode ser considerado santo, ou seja, dotado de virtudes, inocência, piedade e pureza. De acordo com informações públicas, o conceito de santidade é intimamente relacionado com a religiosidade e a fé. De acordo com a doutrina cristã, a santificação é o processo de tornar algo ou alguém santo, ou seja, que possui santidade. A santidade se trata da separação e da renúncia daquilo que é considerado impuro, a partir da dedicação a uma vida de devoção e consagração total a Deus. E qual o caminho pra santidade? A Vida de Oração. Sempre é bom lembrar: tudo aqui é simplesmente vaidade!

Orar em tempos difíceis? Rezar nos bons momentos da vida? Como podemos encontrar a Deus se estamos vazios? Por isso é muito importante a boa leitura. Livros bons; pensamentos bons. Música boa; vida harmoniosa. E o que define o bom perguntar-se-ão os relativistas? O conceito etimológico do termo é realmente necessário? Tempos bons aqueles onde prosperava o entendimento sem resvalos contextuais? Pessoas calmas costumam transmitir serenidade. Vida organizada produz pessoas organizadas. É a vida.

Como podemos ter uma vida de oração em meio à correria pela sobrevivência? Ninguém tem resposta pronta a estas indagações. Certo mesmo é que somos finitos. Pra onde corremos tanto? O que provoca tanta agonia e insegurança no mundo moderno? Casas de Retiro costumam ficar abarrotadas nos meses de julho e dezembro. A sede de Deus é latente no ser humano. Mas quem geralmente ora ou reza é pior do que quem nem liga pra isso? A saúde mental é muito importante. Mantenha o foco do seu equilíbrio.

Uma boa caminhada. Correr aos finais de semana. Praticar esportes. Andar de bicicleta. Tudo isso contribui pra uma boa vida de oração. Orar, rezar requer certa preparação. Os monges possuem vida de oração, mas também atividades laborais. A amplitude da vida reflete na vida de oração. Mas estamos com saudades de ir a um templo religioso? Tudo passa. A paciência tudo alcança. Muitos sobrevivem até mesmo sem uma vida de oração. Perceba a vida de um homem do “campo”. A natureza provoca reflexões.

O encontro com Deus através da oração é salutar e realmente muito importante. Até mesmo os meios mais modernos de interatividade tendem a valorizar o ato de orar. Rezar significa recolher-se um pouco. Sentir que somos pó e ao pó retornaremos. Tudo é vaidade. Aqui tudo é vaidade diz a Sagrada Escritura. Mais não é mera perca de tempo? Perguntar-se-ão os céticos? Não, não é mesmo. Muitas coisas nesta vida fogem à razão. O silêncio tem seu lado acalentador. A vida de oração torna-se prazerosa à medida que o coração se abre à escuta! Os grandes reis e estadistas sempre procuraram ouvir a Deus. 

Se quiser reformar o Mundo Comece por si Mesmo – Santo Inácio de Loyola

Em quem depositamos a fé? O que pode nos imunizar contra a tristeza?