1. Blogs
  2. Josenildo Melo
  3. Realidade e Ficção
Publicidade

Realidade e Ficção

O que é a realidade posta? Homens de bem e pessoas revestidas das melhores intenções e realmente dispostas a mudar o destino de uma nação. O que é a ficção idealizada? Pessoas querendo voltar à cena do crime e apoiadas por instituições que deveriam zelar pelo bem comum de uma nação. O Mundo mundano tem seu contexto de atuação. Lembro-me quando era bem novinho (cerca de 20 anos de idade) e resolvi candidatar-me à Companhia de Jesus; e certa vez um nobre Jesuíta vivido e experiente me ensinou uma grande lição. Estávamos indo a um retiro e de repente iríamos à praia e então resolvi dizer o seguinte: Padre vou deixar minha bolsa aqui mesmo em cima da mesa, pois ninguém irar “pegar”. Eis a resposta do Padre amigo e de fato um homem vivido: não deixe não meu “filho”, pois estamos no melhor lugar pra sermos roubados e ninguém dizer nada. Mas meu amigo não são todos bons cristãos? O Excelente Jesuíta logo me alertou: em ambiente onde todos se julgam justos e bons este é o melhor ambiente pra roubar ou ser roubado. A ficção está imbuída de homens inescrupulosos. Criaram até um consórcio?

Vários consórcios, até mesmo o chamado consórcio de veículos de comunicação. E quem está do lado da realidade? Homens que acreditam que o caminho do Brasil não é o da corrupção. Pessoas que acreditam que Deus, pátria e família são valores. O trabalho, a coragem. Seres humanos que acreditam que o setor privado é que deve continuar investindo e gerando emprego e renda. Pessoas que gostam da dignidade não apenas em palavras, mas em atos e ações que possam favorecer aos menos abastardos. Qual a etimologia da palavra ficção?    Ato ou efeito de fingir; fingimento, simulação. Resultado da imaginação; criação da fantasia; artifício. Designação genérica para romances, novelas ou contos que narram histórias criadas pela imaginação de seus autores. E o que significa realidade? Denominam-se realidade ao conjunto de coisas existentes, como também as relações que elas mantêm entre si. E quem vencerá este jogo macabro? O povo vai decidir!

Novamente recorro aos meus formadores; os Jesuítas me ensinam que os homens mais perigosos são os movidos por ilusões. Santo Inácio de Loyola ainda hoje nos ensina (a seus filhos) a seguirem o caminho da realidade. A realidade dói, mas é produtora de modificações e construção sólida. Homens realistas são capazes de transformar o mundo pra melhor. Quem desejar reformar o mundo que reforme a si mesmo. Realidade e Ficção permeiam não apenas o mundo político, mas também o religioso. Muitos acreditam que igrejinhas tomarão o poder. Como conseguirão? Não possuem hierarquia e muito menos organização institucional; na melhor das hipóteses é emaranhado de gente SEM NORTE!

Tem liturgia mais sublime que a católica? Tem comando mais expressivo do que uma hierarquia católica? Viver na ficção é algo perigoso; a percepção de lavagem cerebral vai se acentuando a tal ponto que homens inteligentes percebem rapidamente que ao invés da palavra de Deus começam a “pregar” o que seus corações angustiados sentem; geralmente são homens fracassados. Outra lição de vida: certa vez passando férias em um Mosteiro percebi um homem muito feliz; uma pessoa realmente digna de santidade. Perguntei ao abade quem era aquele homem. Eis a resposta: você acredita meu filho “este homem era um dos maiores donos de indústrias espalhadas por toda a Europa; hoje Feliz!

O que é a realidade posta? Homens de bem e pessoas revestidas das melhores intenções e realmente dispostas a mudar o destino de uma nação. O que é a ficção idealizada? Pessoas querendo voltar à cena do crime e apoiadas por instituições que deveriam zelar pelo bem comum de uma nação. O Mundo mundano tem seu contexto de atuação. Lembro-me quando era bem novinho (cerca de 20 anos de idade) e resolvi candidatar-me à Companhia de Jesus; e certa vez um nobre Jesuíta vivido e experiente me ensinou uma grande lição. Estávamos indo a um retiro e de repente iríamos à praia e então resolvi dizer o seguinte: Padre vou deixar minha bolsa aqui mesmo em cima da mesa, pois ninguém irar “pegar”. Eis a resposta do Padre amigo e de fato um homem vivido: não deixe não meu “filho”, pois estamos no melhor lugar pra sermos roubados e ninguém dizer nada. Mas meu amigo não são todos bons cristãos? O Excelente Jesuíta logo me alertou: em ambiente onde todos se julgam justos e bons este é o melhor ambiente pra roubar ou ser roubado. A ficção está imbuída de homens inescrupulosos. Criaram até um consórcio?

Vários consórcios, até mesmo o chamado consórcio de veículos de comunicação. E quem está do lado da realidade? Homens que acreditam que o caminho do Brasil não é o da corrupção. Pessoas que acreditam que Deus, pátria e família são valores. O trabalho, a coragem. Seres humanos que acreditam que o setor privado é que deve continuar investindo e gerando emprego e renda. Pessoas que gostam da dignidade não apenas em palavras, mas em atos e ações que possam favorecer aos menos abastardos. Qual a etimologia da palavra ficção?    Ato ou efeito de fingir; fingimento, simulação. Resultado da imaginação; criação da fantasia; artifício. Designação genérica para romances, novelas ou contos que narram histórias criadas pela imaginação de seus autores. E o que significa realidade? Denominam-se realidade ao conjunto de coisas existentes, como também as relações que elas mantêm entre si. E quem vencerá este jogo macabro? O povo vai decidir!

Novamente recorro aos meus formadores; os Jesuítas me ensinam que os homens mais perigosos são os movidos por ilusões. Santo Inácio de Loyola ainda hoje nos ensina (a seus filhos) a seguirem o caminho da realidade. A realidade dói, mas é produtora de modificações e construção sólida. Homens realistas são capazes de transformar o mundo pra melhor. Quem desejar reformar o mundo que reforme a si mesmo. Realidade e Ficção permeiam não apenas o mundo político, mas também o religioso. Muitos acreditam que igrejinhas tomarão o poder. Como conseguirão? Não possuem hierarquia e muito menos organização institucional; na melhor das hipóteses é emaranhado de gente SEM NORTE!

Tem liturgia mais sublime que a católica? Tem comando mais expressivo do que uma hierarquia católica? Viver na ficção é algo perigoso; a percepção de lavagem cerebral vai se acentuando a tal ponto que homens inteligentes percebem rapidamente que ao invés da palavra de Deus começam a “pregar” o que seus corações angustiados sentem; geralmente são homens fracassados. Outra lição de vida: certa vez passando férias em um Mosteiro percebi um homem muito feliz; uma pessoa realmente digna de santidade. Perguntei ao abade quem era aquele homem. Eis a resposta: você acredita meu filho “este homem era um dos maiores donos de indústrias espalhadas por toda a Europa; hoje Feliz!

A VELHA MÍDIA QUEBROU? Orar costuma fazer o bem?