1. Blogs
  2. Murilo Noleto
  3. Presidiários e precatórios
Publicidade

Presidiários e precatórios

Existem determinados fatos que vivenciamos no nosso cotidiano que, por mais verdadeiro que seja, fica humanamente impossível assimilar, dada a monstruosidade do fato .  

A nota da coluna do Jornalista Arimateia Azevedo desta terça-feira, é de um nonsense , ou quiçá, venha a se enquadrar no que se costumamos chamar de realismo fantástico. 

Vamos a ela. 

“Golpe dos precatórios 
O presidente do Tribunal de Justiça do Piauí, desembargador Sebastião Ribeiro Martins, disse ontem que os golpes dos precatórios partem dos presidiários do Ceará. Os meliantes, segundo ele, estariam ligando para donos de precatórios e pedindo depósitos bancários para apressar a liberação do dinheiro. A nota diz ainda que os golpes foram denunciados na semana passada pelo próprio Tribunal de Justiça do Estado do Piauí.”

Que troço mais sem pé e sem cabeça é esse, presidente do TJ-PI, Dr. Sebastião Ribeiro Martins? 

Se esse tipo de extorsão estiver sendo praticado , por presidiários de outro estado, ou de qualquer outra unidade federada, antes que esse despautério viesse à público, a presidência do TJ-PI, deveria ter instaurado inquéritos administrativos visando apurar as prováveis fontes internas ou de qualquer outro setor da administração pública, que possam estar a alimentar com dados pessoais dos credores do Estado( aquelas pessoas que têm precatórios à receber) e puní-los exemplarmente. 

Ainda é tempo, digno presidente do Tribunal de Justiça, Dr. Sebastião Ribeiro Martins , que providências nesse sentido sejam tomadas

Os pagadores de impostos desta que é , a maior carga tributária do Brasil, ser-lhe-ão, gratos. 

É isso.

Existem determinados fatos que vivenciamos no nosso cotidiano que, por mais verdadeiro que seja, fica humanamente impossível assimilar, dada a monstruosidade do fato .  

A nota da coluna do Jornalista Arimateia Azevedo desta terça-feira, é de um nonsense , ou quiçá, venha a se enquadrar no que se costumamos chamar de realismo fantástico. 

Vamos a ela. 

“Golpe dos precatórios 
O presidente do Tribunal de Justiça do Piauí, desembargador Sebastião Ribeiro Martins, disse ontem que os golpes dos precatórios partem dos presidiários do Ceará. Os meliantes, segundo ele, estariam ligando para donos de precatórios e pedindo depósitos bancários para apressar a liberação do dinheiro. A nota diz ainda que os golpes foram denunciados na semana passada pelo próprio Tribunal de Justiça do Estado do Piauí.”

Que troço mais sem pé e sem cabeça é esse, presidente do TJ-PI, Dr. Sebastião Ribeiro Martins? 

Se esse tipo de extorsão estiver sendo praticado , por presidiários de outro estado, ou de qualquer outra unidade federada, antes que esse despautério viesse à público, a presidência do TJ-PI, deveria ter instaurado inquéritos administrativos visando apurar as prováveis fontes internas ou de qualquer outro setor da administração pública, que possam estar a alimentar com dados pessoais dos credores do Estado( aquelas pessoas que têm precatórios à receber) e puní-los exemplarmente. 

Ainda é tempo, digno presidente do Tribunal de Justiça, Dr. Sebastião Ribeiro Martins , que providências nesse sentido sejam tomadas

Os pagadores de impostos desta que é , a maior carga tributária do Brasil, ser-lhe-ão, gratos. 

É isso.

Que “bela homenagem!“ Um novo conceito sobre segurança pública