1. Blogs
  2. Murilo Noleto
  3. Nada de concreto
Publicidade

Nada de concreto

Movido não se sabe por quais parâmetros ou dados estatísticos, o governador Wellington Dias vem às redes sociais comunicar à patuleia que “seguindo, diz ele, governador a orientação dos especialistas  do nosso Comitê, autorizamos a flexibilização do isolamento social para os setores de serviços médicos, psicólogicos, fisioterápicos e de terapia ocupacional, além de atividades econômicas de baixo impacto epidemiológico (Construção civil e automotivo”) grifo nosso: o que seria alto impacto? 

Prossegue Wellington Dias, “ isso só é possível graças a uma tendência de redução da proporção do número de infectados e a um aumento do número de leitos de UTI, a partir da chegada de mais respiradores para o Piauí. Mas toda a retomada, quando autorizada, deve ser gradual e segmentada”, finaliza o governador dos piauienses. 

Procuramos sempre encontrar algum tipo de objetividade, concretude, coisas palpáveis sobre os conteúdos das falas do senhor governador, mais nunca as encontramos. 

Nunca, em suas declarações, Wellington Dias é capaz de citar dados concretos, estatísticas de qualquer ordem, sobre o que já fez, ou está sendo feito em qualquer setor da administração pública estadual. 

Fiquemos por enquanto, só no que disse acima o Wellington Dias sobre a flexibilização do isolamento social: “isso só é possível  graças a uma tendência, portanto, não mostra nada de concreto sobre os casos de testagem, comprovação de infectados e recuperados pela rede de saúde pública do Estado do Piauí. Chute, apenas. 

Por outro lado, a Prefeitura de Teresina vem ao proscênio dizer que todos os decretos municipais emitidos desde o começo da pandemia se encontram em vigor, incluindo todos os setores elencados na fala do governador Wellington Dias. 

O prefeito Firmino Filho reafirma que a Prefeitura Municipal de Teresina vai continuar respeitando os critérios adotados para a reabertura gradual das atividades econômicas.   

Firmino Filho finaliza o seu comunicado ratificando que a Prefeitura de Teresina continuará respeitando os critérios adotados para  a reabertura gradual das atividades econômicas e que um plano de atividades elaborado, e no momento apropriado, e com total segurança, irá adotar um novo normal para as atividades de Teresina.

Movido não se sabe por quais parâmetros ou dados estatísticos, o governador Wellington Dias vem às redes sociais comunicar à patuleia que “seguindo, diz ele, governador a orientação dos especialistas  do nosso Comitê, autorizamos a flexibilização do isolamento social para os setores de serviços médicos, psicólogicos, fisioterápicos e de terapia ocupacional, além de atividades econômicas de baixo impacto epidemiológico (Construção civil e automotivo”) grifo nosso: o que seria alto impacto? 

Prossegue Wellington Dias, “ isso só é possível graças a uma tendência de redução da proporção do número de infectados e a um aumento do número de leitos de UTI, a partir da chegada de mais respiradores para o Piauí. Mas toda a retomada, quando autorizada, deve ser gradual e segmentada”, finaliza o governador dos piauienses. 

Procuramos sempre encontrar algum tipo de objetividade, concretude, coisas palpáveis sobre os conteúdos das falas do senhor governador, mais nunca as encontramos. 

Nunca, em suas declarações, Wellington Dias é capaz de citar dados concretos, estatísticas de qualquer ordem, sobre o que já fez, ou está sendo feito em qualquer setor da administração pública estadual. 

Fiquemos por enquanto, só no que disse acima o Wellington Dias sobre a flexibilização do isolamento social: “isso só é possível  graças a uma tendência, portanto, não mostra nada de concreto sobre os casos de testagem, comprovação de infectados e recuperados pela rede de saúde pública do Estado do Piauí. Chute, apenas. 

Por outro lado, a Prefeitura de Teresina vem ao proscênio dizer que todos os decretos municipais emitidos desde o começo da pandemia se encontram em vigor, incluindo todos os setores elencados na fala do governador Wellington Dias. 

O prefeito Firmino Filho reafirma que a Prefeitura Municipal de Teresina vai continuar respeitando os critérios adotados para a reabertura gradual das atividades econômicas.   

Firmino Filho finaliza o seu comunicado ratificando que a Prefeitura de Teresina continuará respeitando os critérios adotados para  a reabertura gradual das atividades econômicas e que um plano de atividades elaborado, e no momento apropriado, e com total segurança, irá adotar um novo normal para as atividades de Teresina.

País conflagrado? A ficha que não cai