1. Blogs
  2. Murilo Noleto
  3. Inacreditável
Publicidade

Inacreditável

O Pi TV 2 do Rede Globo Teresina, exibiu na noite de ontem , duas reportagens que refletem o paradoxo eterno em que vivemos. 

Na primeira reportagem o foco foi a convenção Municipal do Partido dos Trabalhadores , liderada pelo governador Wellington Dias, fazendo o lançamento d candidatura do deputado estadual Fábio Novo à sucessão do prefeito Firmino Filho.

Ao usar da palavra, Fábio Novo ,de maneira eloquente , comprometeu-se , caso seja vitorioso nas eleições de novembro próximo, ter como primeira ação de governo, a regularização fundiária à todos os moradores de Teresina que não tenham os seus imóveis devidamente regularizados junto aos órgãos competentes. 

A segunda matéria, discorreu sobre o abandono em que se encontra lá escolas da rede estadual de Educação, com imagens degradantes, o mato invadindo os prédios, o pouco de material existente como impressoras e computadores já devidamente saqueados, o que levou um sindicalista ( pertencente à Central Sindical aliada ao governo) ao ser entrevistado dizer que são mais de duzentos e quarenta escolas públicas estaduais sem condições de funcionamento depois da trégua da Pandemia do Coronavírus.

Por último, foi ouvida uma representante que falou em nome da secretaria de estado da educação, repetindo o mesmo rame-rame de sempre ao dizer que, o setor de engenharia da secretaria de educação, elabora constantemente planilhas de execução de serviços nas 550 unidades estaduais de Educação existentes em todo território Piauiense e que esses serviços não podem serem feitos simultaneamente. É a única resposta que é dada , quando o sucateamento por completo das unidades de Educação do Estado do Piauí, é objeto de uma denúncia dessa magnitude. 

É lamentável , sob todos os aspectos que, um grupo político no poder estadual há exatos dezesseis anos, ainda tenha a desfaçatez de lançar nomes como candidatos à Prefeitura de Teresina. 

É isso.

O Pi TV 2 do Rede Globo Teresina, exibiu na noite de ontem , duas reportagens que refletem o paradoxo eterno em que vivemos. 

Na primeira reportagem o foco foi a convenção Municipal do Partido dos Trabalhadores , liderada pelo governador Wellington Dias, fazendo o lançamento d candidatura do deputado estadual Fábio Novo à sucessão do prefeito Firmino Filho.

Ao usar da palavra, Fábio Novo ,de maneira eloquente , comprometeu-se , caso seja vitorioso nas eleições de novembro próximo, ter como primeira ação de governo, a regularização fundiária à todos os moradores de Teresina que não tenham os seus imóveis devidamente regularizados junto aos órgãos competentes. 

A segunda matéria, discorreu sobre o abandono em que se encontra lá escolas da rede estadual de Educação, com imagens degradantes, o mato invadindo os prédios, o pouco de material existente como impressoras e computadores já devidamente saqueados, o que levou um sindicalista ( pertencente à Central Sindical aliada ao governo) ao ser entrevistado dizer que são mais de duzentos e quarenta escolas públicas estaduais sem condições de funcionamento depois da trégua da Pandemia do Coronavírus.

Por último, foi ouvida uma representante que falou em nome da secretaria de estado da educação, repetindo o mesmo rame-rame de sempre ao dizer que, o setor de engenharia da secretaria de educação, elabora constantemente planilhas de execução de serviços nas 550 unidades estaduais de Educação existentes em todo território Piauiense e que esses serviços não podem serem feitos simultaneamente. É a única resposta que é dada , quando o sucateamento por completo das unidades de Educação do Estado do Piauí, é objeto de uma denúncia dessa magnitude. 

É lamentável , sob todos os aspectos que, um grupo político no poder estadual há exatos dezesseis anos, ainda tenha a desfaçatez de lançar nomes como candidatos à Prefeitura de Teresina. 

É isso.

Morte violenta, só decapitando? Diálogos políticos