1. Blogs
  2. Murilo Noleto
  3. A primeira impressão
Publicidade

A primeira impressão

O primeiro programa eleitoral na TV, veiculado pela Rede Meio Norte hoje às 13:00h com os candidatos à prefeito de Timon, já deu para se ter uma ideia de uma provável polarização entre duas mulheres, a professora Socorro Waquim e a ex-secretária de educação do município, professora Dinair Veloso. 

Costuma-se dizer que, em eleição , a formação de grupos que agreguem o maior número de militantes é fator determinante para o êxito eleitoral. 

A candidata do prefeito Luciano Leitoa e do seu genitor engenheiro Chico Leitoa, necessariamente é competitiva, dado a estrutura administrativa que lhe respalda, bem como a história política do grupo liderado pelo engenheiro Chico Leitoa. 

Em oposição ao status quo, surge a ex-prefeita professora Socorro Waquim , com um respeitável currículo acadêmico e administrativo, com ações empreendidas quando administrou Timon de 2005 à 2012. 

O terceiro candidato , também competitivo, o Coronel PM, Schineider, que vem pontuando bem nas pesquisas eleitorais até aqui, em que pese não ter experiências administrativas a mostrar ao eleitorado timonense, disputa o pleito de 15 de novembro, na expectativa de lograr êxito. 

O horário eleitoral e as redes sociais, serão sem sombra de dúvidas, determinantes na formação da consciência do eleitorado timonense, quando da escolha em 15 de novembro, daquela ou daquele que, guiará os seus destinos nos próximos quatro anos. 

É isso.

O primeiro programa eleitoral na TV, veiculado pela Rede Meio Norte hoje às 13:00h com os candidatos à prefeito de Timon, já deu para se ter uma ideia de uma provável polarização entre duas mulheres, a professora Socorro Waquim e a ex-secretária de educação do município, professora Dinair Veloso. 

Costuma-se dizer que, em eleição , a formação de grupos que agreguem o maior número de militantes é fator determinante para o êxito eleitoral. 

A candidata do prefeito Luciano Leitoa e do seu genitor engenheiro Chico Leitoa, necessariamente é competitiva, dado a estrutura administrativa que lhe respalda, bem como a história política do grupo liderado pelo engenheiro Chico Leitoa. 

Em oposição ao status quo, surge a ex-prefeita professora Socorro Waquim , com um respeitável currículo acadêmico e administrativo, com ações empreendidas quando administrou Timon de 2005 à 2012. 

O terceiro candidato , também competitivo, o Coronel PM, Schineider, que vem pontuando bem nas pesquisas eleitorais até aqui, em que pese não ter experiências administrativas a mostrar ao eleitorado timonense, disputa o pleito de 15 de novembro, na expectativa de lograr êxito. 

O horário eleitoral e as redes sociais, serão sem sombra de dúvidas, determinantes na formação da consciência do eleitorado timonense, quando da escolha em 15 de novembro, daquela ou daquele que, guiará os seus destinos nos próximos quatro anos. 

É isso.

Água Branca, a síntese É de tirar o chapéu