1. Colunas
  2. Arimatéia Azevedo
  3. Horizonte módico
Publicidade

Horizonte módico

O projeto de lei de diretrizes orçamentárias encaminhado por Wellington Dias para a Assembleia Legislativa trabalha com um ambiente fiscal ainda mais restritivo do que o deste ano, em que o governo sequer consegue manter um equilíbrio para as despesas correntes, ou seja, os gastos do dia-a-dia que mantêm a máquina administrativa funcionando. O governo prevê uma receita bruta de R$ 11,826 bilhões em 2020, o que representa um acréscimo de 7,94% na comparação com o valor estabelecido para este ano – até agora em realização – na ordem de R$ 10,956 bilhões. Se a inflação se mantiver na meta estabelecida por Brasília (4,25%) para 2019, o crescimento real da receita será de 3,69%. É módico, considerando que a projeção de inflação para o Banco Central em 2020 é de 4%. Quando descontados os repasses do Estado para municípios, mais participação no Fundo da Educação Básica (Fundeb) o que de receita se prevê fecha em R$ 10,798 bilhões, o que representará um aumento de 13,42% em relação à receita prevista para 2019. Mas neste caso, o eventual crescimento da receita não significa muita coisa, porque o déficit primário projetado também será maior. Em 2018, o déficit foi de R$ 997,4 milhões. Para 2019 prevê-se R$ 975,5 milhões negativos e em 2020, o rombo nas contas públicas chegará a 942,7 milhões. Na soma de déficits primários entre 2017 e 2020, o buraco fiscal chega a R$ 3,9 bilhões. Ou seja, não há um belo horizonte para quem se senta na cadeira de governador do Piauí. No máximo, um horizonte módico ou quem sabe nevoento.

Rejane vota contra o projeto da previdência na Câmara dos Deputados (Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ)

Novo estilo 1

A mudança de perfil na gestão já começa a ser sentida, na Secretaria de Administração. Antes, o cordato, sempre afável, Franzé Silva buscava o diálogo até a exaustão para tentar uma saída para os problemas, sobretudo envolvendo servidores, aposentados, pensionistas.
 Agora, se está vendo que o estilo é outro.

Novo estilo 2

Merlong Solano não mede as palavras, ou melhor, o estilo bem direto, do enfrentamento. 
Se isso será bom para o Wellington Dias, só o tempo dirá.

Cartório

O vice-presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Haroldo Rehem indeferiu o requerimento proposto por quatro candidatos do concurso de cartório que desejavam mais uma vez a suspensão do certame, que se arrasta por quase seis anos.
Prevaleceram a razão e o bom senso.

Concurso segue

A decisão do desembargador faz seguir as etapas normais do concurso, previstas no edital inaugural, e anunciadas recentemente pelo presidente do Tribunal de Justiça, Sebastião Martins para sua conclusão por esses próximos meses.
Venceram o bom senso, a razão. 

Classificação

Ontem, já saiu a relação das notas dos candidatos e a respectiva classificação. Dentro do que se pode considerar como o certo e o justo.

Caso sério

Ontem, pelo menos 15 carros foram arrombados na Zona Leste, de Teresina. Uma sucessão de crimes que a polícia identifica os criminosos, o Ministério Público chega a apoiar os pedidos de prisões, busca e apreensão, mas juízes da área não autorizam.

Sabe quem são

De janeiro até agora já foram quebrados mais de 300 veículos que são estacionados na Avenida Raul Lopes, nos supermercados, lojas, mas os bandidos, apesar de devidamente identificados, filhos de ‘boas’ famílias, continuam livres, leves e soltos.
Tem bandido com mais de 15 inquéritos, mas solto. A polícia sabe quem é, mas não pode prender.

Cuidado

A polícia alerta aos que caminham principalmente na Raul Lopes: não deixar nada dentro do carro, em porta malas. 
E sempre que ligar o alarme conferir se a maçaneta realmente fechou.

Do contra

Rejane Dias e Assis Carvalho devem ser os únicos votos do Piauí contrários à reforma da Previdência. Muito mais para não desagradar ao PT e movimentos sociais. E votam mesmo que haja um interesse direto do governador Wellington Dias, que deseja entrar na reforma previdenciária sem o desgaste de uma lei estadual.

Jogo

Deixar os estados e municípios fora do relatório a ser votado em plenário obriga os governadores a cabalar votos pela reforma da Previdência. Rodrigo Maia, que em Teresina esteve com Wellington Dias, agora vai reunir governadores para pedir que eles apoiem o projeto junto às suas bancadas e que garantam em plenário votos para garantir a presença dos estados no projeto.

“Plus a mais”

A Secretaria de Governo tem cargos de confiança a dar de pau, mas lá a medida do ter não nunca se preenche. Prova disso é que esta semana foi remanejado da Coordenadoria de Comunicação Social para a Segov um cargo de gerente técnico-operacional.

Nadinha

Lei municipal de autoria dos vereadores Deolindo Moura, Gustavo Gaioso, Fábio Dourado, Enzo Samuel e Dr. Lázaro, sancionada no dia 5 de junho, institui em Teresina o Dia Municipal dos Motoristas por Aplicativo de Mobilidade. Será celebrado todo ano em 9 de agosto.
Não é nada não é nada, não é nada mesmo.

Homenagem

O agrônomo, escritor e ex-secretário municipal de Agricultura Matias Augusto Matos está sendo homenageado pela prefeitura. Ele dará nome ao parque ambiental que está sendo construído no entorno da lagoa do Mocambinho, zona Norte da cidade.

Gataral

Ontem, num condomínio chique da zona Leste, que tem até um simulacro de uma escultura de Gaudí na entrada, a Cepisa e a Polícia deram uma incerta. Com mandados judiciais, pegaram cinco gatos que alimentavam centrais de ar condicionados em alguns apartamentos.

Grana

De acordo com o projeto de lei de diretrizes orçamentárias, em tramitação na Assembleia Legislativa, os deputados estaduais poderão dispor, ano que vem, de aproximadamente R$ 70 milhões para destinar a emendas impositivas no orçamento estadual. Desse valor, 30% devem ser usados obrigatoriamente em saúde, educação e cultura.

Sem concurso

Outra medida prevista na lei é a restrição a concursos públicos. A proposta determina que somente serão realizados concursos ou admitido pessoal efetivo de concursos anteriores se houver vagas a preencher e ainda assim sem comprometer os limites previstos na Lei de Responsabilidade Fiscal.

Ping-Pong
Lula Livre

Servidores fazendários comentam no Sindicato dos Auditores Fiscais, sobre o inconveniente de participar da greve geral contra a Reforma da Previdência em meio aos gritos e cartazes de Lula Livre. Eis que o presidente da entidade, Caetano Mello, entra na conversa.

O servidor: “É chato ouvir essa lenga-lenga de Lula Livre...”
Caetano: “Lula Livre? Mas ele não vai casar? Pois podem é gritar! Não vai ser livre nunca mais!”

Expressas

A Diocese de Campo Maior arrecadou R$ 259,6 mil com atividades como leilões, coletas e doações durante os festejos de Santo Antônio.

Faz 90 dias que a Prefeitura de Campo Maior não paga os músicos da banda municipal Honório Bona.

Tem chovido em cidades ao Norte do Piauí, principalmente no Baixo Parnaíba e na Planície Litorânea.

O projeto de lei de diretrizes orçamentárias encaminhado por Wellington Dias para a Assembleia Legislativa trabalha com um ambiente fiscal ainda mais restritivo do que o deste ano, em que o governo sequer consegue manter um equilíbrio para as despesas correntes, ou seja, os gastos do dia-a-dia que mantêm a máquina administrativa funcionando. O governo prevê uma receita bruta de R$ 11,826 bilhões em 2020, o que representa um acréscimo de 7,94% na comparação com o valor estabelecido para este ano – até agora em realização – na ordem de R$ 10,956 bilhões. Se a inflação se mantiver na meta estabelecida por Brasília (4,25%) para 2019, o crescimento real da receita será de 3,69%. É módico, considerando que a projeção de inflação para o Banco Central em 2020 é de 4%. Quando descontados os repasses do Estado para municípios, mais participação no Fundo da Educação Básica (Fundeb) o que de receita se prevê fecha em R$ 10,798 bilhões, o que representará um aumento de 13,42% em relação à receita prevista para 2019. Mas neste caso, o eventual crescimento da receita não significa muita coisa, porque o déficit primário projetado também será maior. Em 2018, o déficit foi de R$ 997,4 milhões. Para 2019 prevê-se R$ 975,5 milhões negativos e em 2020, o rombo nas contas públicas chegará a 942,7 milhões. Na soma de déficits primários entre 2017 e 2020, o buraco fiscal chega a R$ 3,9 bilhões. Ou seja, não há um belo horizonte para quem se senta na cadeira de governador do Piauí. No máximo, um horizonte módico ou quem sabe nevoento.

Rejane vota contra o projeto da previdência na Câmara dos Deputados (Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ)

Novo estilo 1

A mudança de perfil na gestão já começa a ser sentida, na Secretaria de Administração. Antes, o cordato, sempre afável, Franzé Silva buscava o diálogo até a exaustão para tentar uma saída para os problemas, sobretudo envolvendo servidores, aposentados, pensionistas.
 Agora, se está vendo que o estilo é outro.

Novo estilo 2

Merlong Solano não mede as palavras, ou melhor, o estilo bem direto, do enfrentamento. 
Se isso será bom para o Wellington Dias, só o tempo dirá.

Cartório

O vice-presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Haroldo Rehem indeferiu o requerimento proposto por quatro candidatos do concurso de cartório que desejavam mais uma vez a suspensão do certame, que se arrasta por quase seis anos.
Prevaleceram a razão e o bom senso.

Concurso segue

A decisão do desembargador faz seguir as etapas normais do concurso, previstas no edital inaugural, e anunciadas recentemente pelo presidente do Tribunal de Justiça, Sebastião Martins para sua conclusão por esses próximos meses.
Venceram o bom senso, a razão. 

Classificação

Ontem, já saiu a relação das notas dos candidatos e a respectiva classificação. Dentro do que se pode considerar como o certo e o justo.

Caso sério

Ontem, pelo menos 15 carros foram arrombados na Zona Leste, de Teresina. Uma sucessão de crimes que a polícia identifica os criminosos, o Ministério Público chega a apoiar os pedidos de prisões, busca e apreensão, mas juízes da área não autorizam.

Sabe quem são

De janeiro até agora já foram quebrados mais de 300 veículos que são estacionados na Avenida Raul Lopes, nos supermercados, lojas, mas os bandidos, apesar de devidamente identificados, filhos de ‘boas’ famílias, continuam livres, leves e soltos.
Tem bandido com mais de 15 inquéritos, mas solto. A polícia sabe quem é, mas não pode prender.

Cuidado

A polícia alerta aos que caminham principalmente na Raul Lopes: não deixar nada dentro do carro, em porta malas. 
E sempre que ligar o alarme conferir se a maçaneta realmente fechou.

Do contra

Rejane Dias e Assis Carvalho devem ser os únicos votos do Piauí contrários à reforma da Previdência. Muito mais para não desagradar ao PT e movimentos sociais. E votam mesmo que haja um interesse direto do governador Wellington Dias, que deseja entrar na reforma previdenciária sem o desgaste de uma lei estadual.

Jogo

Deixar os estados e municípios fora do relatório a ser votado em plenário obriga os governadores a cabalar votos pela reforma da Previdência. Rodrigo Maia, que em Teresina esteve com Wellington Dias, agora vai reunir governadores para pedir que eles apoiem o projeto junto às suas bancadas e que garantam em plenário votos para garantir a presença dos estados no projeto.

“Plus a mais”

A Secretaria de Governo tem cargos de confiança a dar de pau, mas lá a medida do ter não nunca se preenche. Prova disso é que esta semana foi remanejado da Coordenadoria de Comunicação Social para a Segov um cargo de gerente técnico-operacional.

Nadinha

Lei municipal de autoria dos vereadores Deolindo Moura, Gustavo Gaioso, Fábio Dourado, Enzo Samuel e Dr. Lázaro, sancionada no dia 5 de junho, institui em Teresina o Dia Municipal dos Motoristas por Aplicativo de Mobilidade. Será celebrado todo ano em 9 de agosto.
Não é nada não é nada, não é nada mesmo.

Homenagem

O agrônomo, escritor e ex-secretário municipal de Agricultura Matias Augusto Matos está sendo homenageado pela prefeitura. Ele dará nome ao parque ambiental que está sendo construído no entorno da lagoa do Mocambinho, zona Norte da cidade.

Gataral

Ontem, num condomínio chique da zona Leste, que tem até um simulacro de uma escultura de Gaudí na entrada, a Cepisa e a Polícia deram uma incerta. Com mandados judiciais, pegaram cinco gatos que alimentavam centrais de ar condicionados em alguns apartamentos.

Grana

De acordo com o projeto de lei de diretrizes orçamentárias, em tramitação na Assembleia Legislativa, os deputados estaduais poderão dispor, ano que vem, de aproximadamente R$ 70 milhões para destinar a emendas impositivas no orçamento estadual. Desse valor, 30% devem ser usados obrigatoriamente em saúde, educação e cultura.

Sem concurso

Outra medida prevista na lei é a restrição a concursos públicos. A proposta determina que somente serão realizados concursos ou admitido pessoal efetivo de concursos anteriores se houver vagas a preencher e ainda assim sem comprometer os limites previstos na Lei de Responsabilidade Fiscal.

Ping-Pong
Lula Livre

Servidores fazendários comentam no Sindicato dos Auditores Fiscais, sobre o inconveniente de participar da greve geral contra a Reforma da Previdência em meio aos gritos e cartazes de Lula Livre. Eis que o presidente da entidade, Caetano Mello, entra na conversa.

O servidor: “É chato ouvir essa lenga-lenga de Lula Livre...”
Caetano: “Lula Livre? Mas ele não vai casar? Pois podem é gritar! Não vai ser livre nunca mais!”

Expressas

A Diocese de Campo Maior arrecadou R$ 259,6 mil com atividades como leilões, coletas e doações durante os festejos de Santo Antônio.

Faz 90 dias que a Prefeitura de Campo Maior não paga os músicos da banda municipal Honório Bona.

Tem chovido em cidades ao Norte do Piauí, principalmente no Baixo Parnaíba e na Planície Litorânea.

Sim, mas e as soluções? Atitude intolerável