1. Editorias
  2. AZ Esporte
  3. À vontade no River, atacante Romário revela felicidade e mira o topo
Publicidade

À vontade no River, atacante Romário revela felicidade e mira o topo

Atacante marcou três gols em dois jogos na temporada com a camisa riverina

Da Série A para Série D. Do Ceará ao Piauí. Após sofrer com lesões, Romário encontrou no River seu recomeço. Contra o América-RN pela Copa do Nordeste o atacante saiu do banco e marcou. Contra o Timon, pelo Estadual, esteve entre os titulares e balançou a rede duas vezes.


Romário (Foto: Victor Costa / River AC)

Com três gols em cinco jogos, o atacante de 27 anos se mostrou feliz. Em entrevista coletiva após a vitória contra o Timon, Romário relembrou sua trajetória nos últimos dois anos e sente encontrar no River sua redenção. 

“Cara, eu estou muito feliz. Estou muito feliz de verdade. Feliz pelos gols, feliz por estar aqui. Temos um grupo muito bom e uma comissão muito boa também que nós faz sentir a vontade. Esses últimos dois anos foram muito difíceis para mim. Tive muitas lesões e não consegui ser o Romário que sempre fui. Muitos falavam que era um passo para trás eu estar na Série A e vir para um clube da quarta divisão, mas eu nunca pensei assim. Pensei que precisaria jogar de novo, ir para um clube bem estruturado, com uma torcida apaixonada que eu iria sim voltar a ser o Romário. Sabia que no começo seria difícil, pois eu estava a muito tempo parado, um pouco acima do peso, mas com muito trabalho, dedicação e carinho as coisa vem dado certo. Espero continuar retribuindo com gols dentro de campo”


Romário marcou na Copa do Nordeste e no Estadual (Foto: Victor Costa / River AC)

Com a Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Estadual, na mira, Romário acredita que a equipe precisa manter tranquilidade para seguir mostrando competitividade em todas as competições. 

“Temos que ter muita tranquilidade. São jogos de quarta a domingo e é muito difícil. Temos um grupo reduzido também. Mas vamos lutar até o fim em todas as competições. É uma coisa que continuo falando a torcida merece bons resultado, cobra muito, apaixonada e que está sempre presente. Então precisamos dar alegria para eles, dar o máximo até o fim e chegar lá em cima”

Com a ausência de Eduardo, Romário assumiu a camisa nove e vem marcando gols. Quando perguntado sobre o retorno de Eduardo ao River, que ainda se recupera de lesão, o jogador destaca a importância coletiva para o River.

“A gente tem que ter bons jogadores em todas as posições para não deixar o nível da equipe  cair. Se o professor optar por mim, por ele, por nós dois a gente, o mais importante é o River. Creio que o grupo é mais importante que o individual”


Romário e a comemoração misteriosa (Foto: Victor Costa / River AC)

Disposto a continuar marcando gols, Romário deixou um mistério no estádio Lindolfo Monteiro. Questionado sobre a comemoração em que colocou a mão no rosto, o jogador prometeu revelar o significado na final. 

“No momento eu não posso te falar ainda. Se na final eu conseguir fazer o gol na comemoração eu digo”

O River volta a campo nesta sábado (15), às 20h contra o Confiança, pela Copa do Nordeste, em Sergipe. 

Da Série A para Série D. Do Ceará ao Piauí. Após sofrer com lesões, Romário encontrou no River seu recomeço. Contra o América-RN pela Copa do Nordeste o atacante saiu do banco e marcou. Contra o Timon, pelo Estadual, esteve entre os titulares e balançou a rede duas vezes.


Romário (Foto: Victor Costa / River AC)

Com três gols em cinco jogos, o atacante de 27 anos se mostrou feliz. Em entrevista coletiva após a vitória contra o Timon, Romário relembrou sua trajetória nos últimos dois anos e sente encontrar no River sua redenção. 

“Cara, eu estou muito feliz. Estou muito feliz de verdade. Feliz pelos gols, feliz por estar aqui. Temos um grupo muito bom e uma comissão muito boa também que nós faz sentir a vontade. Esses últimos dois anos foram muito difíceis para mim. Tive muitas lesões e não consegui ser o Romário que sempre fui. Muitos falavam que era um passo para trás eu estar na Série A e vir para um clube da quarta divisão, mas eu nunca pensei assim. Pensei que precisaria jogar de novo, ir para um clube bem estruturado, com uma torcida apaixonada que eu iria sim voltar a ser o Romário. Sabia que no começo seria difícil, pois eu estava a muito tempo parado, um pouco acima do peso, mas com muito trabalho, dedicação e carinho as coisa vem dado certo. Espero continuar retribuindo com gols dentro de campo”


Romário marcou na Copa do Nordeste e no Estadual (Foto: Victor Costa / River AC)

Com a Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Estadual, na mira, Romário acredita que a equipe precisa manter tranquilidade para seguir mostrando competitividade em todas as competições. 

“Temos que ter muita tranquilidade. São jogos de quarta a domingo e é muito difícil. Temos um grupo reduzido também. Mas vamos lutar até o fim em todas as competições. É uma coisa que continuo falando a torcida merece bons resultado, cobra muito, apaixonada e que está sempre presente. Então precisamos dar alegria para eles, dar o máximo até o fim e chegar lá em cima”

Com a ausência de Eduardo, Romário assumiu a camisa nove e vem marcando gols. Quando perguntado sobre o retorno de Eduardo ao River, que ainda se recupera de lesão, o jogador destaca a importância coletiva para o River.

“A gente tem que ter bons jogadores em todas as posições para não deixar o nível da equipe  cair. Se o professor optar por mim, por ele, por nós dois a gente, o mais importante é o River. Creio que o grupo é mais importante que o individual”


Romário e a comemoração misteriosa (Foto: Victor Costa / River AC)

Disposto a continuar marcando gols, Romário deixou um mistério no estádio Lindolfo Monteiro. Questionado sobre a comemoração em que colocou a mão no rosto, o jogador prometeu revelar o significado na final. 

“No momento eu não posso te falar ainda. Se na final eu conseguir fazer o gol na comemoração eu digo”

O River volta a campo nesta sábado (15), às 20h contra o Confiança, pela Copa do Nordeste, em Sergipe.