1. Editorias
  2. AZ Esporte
  3. De férias e "trancada", comissão técnica do Santos dribla distância com chamadas de vídeo
Publicidade

De férias e "trancada", comissão técnica do Santos dribla distância com chamadas de vídeo

Técnico Jesualdo Ferreira não foi a Portugal, mas tem evitado reuniões presenciais

A pandemia do novo coronavírus mudou rotinas e paralisou o futebol brasileiro. O Santos, então, decidiu dar férias até o dia 20 de abril para todos os funcionários do departamento de futebol – jogadores e comissão técnica. O "time" comandado por Jesualdo Ferreira, porém, não diminuiu o ritmo.

A comissão técnica do Santos, mesmo de férias, tem procurado conversar diariamente sobre o clube. Como não podem se reunir, Jesualdo Ferreira e seus profissionais têm conversado por chamadas de vídeo sobre jogadores do próprio elenco ou possíveis alvos para o restante da temporada.

Antes do início da quarentena, os atletas do Santos receberam uma cartilha com especificações de treinos físicos a serem feitos em casa. A comissão técnica também tem acompanhado à distância os trabalhos.


Jesualdo Ferreira está em casa — Foto: Marcos Ribolli

O técnico Jesualdo Ferreira trabalha com os auxiliares Rui Águas, António Oliveira, Daniel Gonçalves e Pedro Bouças e com o preparador físico José Pedro Pinto. Clique aqui e veja o currículo de cada um deles.

Jesualdo Ferreira e Rui Águas permaneceram em Santos com suas esposas. Os dois moram em um hotel de luxo, que está fechado. Por isso, tiveram de se mudar temporariamente para um prédio na Ponta da Praia.

Por causa do novo coronavírus, Jesualdo Ferreira, de 73 anos e já no grupo de risco da Covid-19, tem evitado ao máximo sair de casa. Ele chegou a ter passagem reservada para voltar para Portugal, mas decidiu permanecer em Santos para evitar aeroportos e longas viagens.

A pandemia do novo coronavírus mudou rotinas e paralisou o futebol brasileiro. O Santos, então, decidiu dar férias até o dia 20 de abril para todos os funcionários do departamento de futebol – jogadores e comissão técnica. O "time" comandado por Jesualdo Ferreira, porém, não diminuiu o ritmo.

A comissão técnica do Santos, mesmo de férias, tem procurado conversar diariamente sobre o clube. Como não podem se reunir, Jesualdo Ferreira e seus profissionais têm conversado por chamadas de vídeo sobre jogadores do próprio elenco ou possíveis alvos para o restante da temporada.

Antes do início da quarentena, os atletas do Santos receberam uma cartilha com especificações de treinos físicos a serem feitos em casa. A comissão técnica também tem acompanhado à distância os trabalhos.


Jesualdo Ferreira está em casa — Foto: Marcos Ribolli

O técnico Jesualdo Ferreira trabalha com os auxiliares Rui Águas, António Oliveira, Daniel Gonçalves e Pedro Bouças e com o preparador físico José Pedro Pinto. Clique aqui e veja o currículo de cada um deles.

Jesualdo Ferreira e Rui Águas permaneceram em Santos com suas esposas. Os dois moram em um hotel de luxo, que está fechado. Por isso, tiveram de se mudar temporariamente para um prédio na Ponta da Praia.

Por causa do novo coronavírus, Jesualdo Ferreira, de 73 anos e já no grupo de risco da Covid-19, tem evitado ao máximo sair de casa. Ele chegou a ter passagem reservada para voltar para Portugal, mas decidiu permanecer em Santos para evitar aeroportos e longas viagens.