1. Editorias
  2. AZ Esporte
  3. Depois do Flamengo, Bangu marca retorno à tarde com testes físicos para jogadores em Moça Bonita
Publicidade

Depois do Flamengo, Bangu marca retorno à tarde com testes físicos para jogadores em Moça Bonita

Prefeitura liberou apenas trabalho de fisioterapia

Depois de realizar exames de coronavírus e passar por sanitização em sua sede, o Bangu tem retorno marcado para esta tarde de sexta-feira. A partir das 15h, o time vai fazer testes físicos em campo, separado por grupos de atletas. O time da zona oeste é o segundo do Rio de Janeiro a retomar atividades - desde o início da semana o Flamengo ignora as recomendações da prefeitura do Rio de Janeiro e treina no Ninho do Urubu.

Jogador do Bangu passa por teste em Moça Bonita — Foto: João Carlos Gomes / Bangu

O Bangu vinha realizando treinos virtuais, como a maioria dos clubes, nos últimos dias. Na semana passada, fez 39 testes entre jogadores e comissão técnica. O clube comunicou que 69% dos testes apresentou resultado negativo e 31% com IgG positivo (imunidade), em sete atletas, três membros da comissão técnica e dois funcionários.

A direção do Bangu ainda faz contatos com a prefeitura do Rio para definir os próximos passos. No treino desta tarde, não deve haver trabalho com bola e os atletas serão separados para realizar testes físicos para avaliação dos profissionais do clube. Nos últimos dias, o prefeito Marcelo Crivella e a secretária de Saúde, Beatriz Busch, disseram que os clubes ainda não estão liberados para o retorno.

- Foram aprovados os procedimentos do caderno de encargos para evitar contágio quando os clubes voltarem aos treinos e aos jogos. Foi autorizada também a volta dos atletas que estavam em fisioterapia cujos casos poderiam agravar. Foi comunicado ao presidente do Flamengo e o Vasco que isso tinha sido deliberado. Pelo conselho, não foi aprovada a volta aos treinos - explicou Crivella.

O presidente do Bangu, Jorge Varella, disse que "se voltar (nesta sexta) os jogadores vão passar por nova bateria de exames clínicos", mas contou que ainda "estão aguardando instruções".

Depois de realizar exames de coronavírus e passar por sanitização em sua sede, o Bangu tem retorno marcado para esta tarde de sexta-feira. A partir das 15h, o time vai fazer testes físicos em campo, separado por grupos de atletas. O time da zona oeste é o segundo do Rio de Janeiro a retomar atividades - desde o início da semana o Flamengo ignora as recomendações da prefeitura do Rio de Janeiro e treina no Ninho do Urubu.

Jogador do Bangu passa por teste em Moça Bonita — Foto: João Carlos Gomes / Bangu

O Bangu vinha realizando treinos virtuais, como a maioria dos clubes, nos últimos dias. Na semana passada, fez 39 testes entre jogadores e comissão técnica. O clube comunicou que 69% dos testes apresentou resultado negativo e 31% com IgG positivo (imunidade), em sete atletas, três membros da comissão técnica e dois funcionários.

A direção do Bangu ainda faz contatos com a prefeitura do Rio para definir os próximos passos. No treino desta tarde, não deve haver trabalho com bola e os atletas serão separados para realizar testes físicos para avaliação dos profissionais do clube. Nos últimos dias, o prefeito Marcelo Crivella e a secretária de Saúde, Beatriz Busch, disseram que os clubes ainda não estão liberados para o retorno.

- Foram aprovados os procedimentos do caderno de encargos para evitar contágio quando os clubes voltarem aos treinos e aos jogos. Foi autorizada também a volta dos atletas que estavam em fisioterapia cujos casos poderiam agravar. Foi comunicado ao presidente do Flamengo e o Vasco que isso tinha sido deliberado. Pelo conselho, não foi aprovada a volta aos treinos - explicou Crivella.

O presidente do Bangu, Jorge Varella, disse que "se voltar (nesta sexta) os jogadores vão passar por nova bateria de exames clínicos", mas contou que ainda "estão aguardando instruções".