1. Editorias
  2. Geral
  3. Rede Pense Piauí mobiliza arrecadação de materiais para combater coronavírus
Publicidade

Rede Pense Piauí mobiliza arrecadação de materiais para combater coronavírus

A ação acontece por meio da arrecadação de dinheiro e através de financiamento coletivo

A Sociedade Civil Organizada por meio da Rede Pense Piauí vai viabilizar 120 mil de Equipamentos de Proteção Individual e 300 mil litros por mês de álcool 70 para serem distribuídos nas Unidades Básicas de Saúde, UPAs e hospitais no combate ao novo coronavírus.

Todo dinheiro arrecadado vai para a conta da FADEX da Universidade Federal do Piauí e administrado para a compra de material, transporte e entrega (Foto: Reprodução / Whatsapp)

Como resultado da materialização dessa ação, na última quarta-feira (25) foram distribuídas 1000 máscaras e 350 jalecos para o Hospital Getúlio Vargas (HGV), Natan Portela, Hospital Infantil, Hospital da Polícia Militar (HPM) e Maternidade Dona Evangelina Rosa, dentre outras.

Pilhas de EPI's (Foto: Reprodução / Whatsapp)

Outro objetivo é que todo o material arrecadado durante o período da ação voluntária, seja encaminhado aos órgãos como Detran, Polícia Civil, Polícia Militar, Secretaria de Justiça, Corpo de Bombeiros, além de postos de saúde. A CEIR é a central de recolhimento e distribuição das doações recebidas pela rede Pense Piauí.

Separação do material (Foto: Reprodução / Whatsapp)

“Nós, da rede Pense Piauí, estamos todos envolvidos nesse esforço humanitário e comunitário de tentar conter a disseminação dessa pandemia no nosso Estado. Estamos fazendo tudo que podemos para produzir equipamentos de proteção individual e também prover álcool gel. Estamos concentrados nisso. Conseguimos organizar uma estrutura em pouco tempo e estamos precisando de doações”, explica o empresário e voluntário, Ney Paranaguá.

A AMBEV, que também é parceira, doou 500 litros de álcool à rede municipal de saúde como auxílio nesse momento de epidemia. A Guadalajara também reforça a causa na confecção de materiais e confeccionou 52. 893 máscaras e 200 aventais. 

 Grupos de voluntários potencializam a comunicação da campanha

Além de tudo, existe um grupo de voluntários da comunicação envolvidos com a Rede. Está sendo realizada ações de comunicação, por meio de volantes, em vários bairros da cidade para informar a população sobre a importância, neste momento, de ficar em casa. Além dos volantes está sendo programada campanha para arrecadar fundos. “Vamos ficar todos juntos, abraçados, de mãos dadas, mesmo que à distância, mas no mesmo sentimento: ajudar nosso Estado em uma hora que pode ser crítica para nós”, pontuou Ney Paranaguá.

 Material arrecadado (Foto: Reprodução / Whatsapp)

O Pense Piauí constitui uma rede dinâmica, formada por lideranças dos mais diversos segmentos. Constitui uma iniciativa supra partidária que pretende superar fragmentações sociais, mediante a estruturação de espaços de encontros e de debates, de modo a propiciar a formação de uma inteligência coletiva capaz de colaborar nas instâncias de decisões em favor do desenvolvimento do estado e do bem comum.

A Sociedade Civil Organizada por meio da Rede Pense Piauí vai viabilizar 120 mil de Equipamentos de Proteção Individual e 300 mil litros por mês de álcool 70 para serem distribuídos nas Unidades Básicas de Saúde, UPAs e hospitais no combate ao novo coronavírus.

Todo dinheiro arrecadado vai para a conta da FADEX da Universidade Federal do Piauí e administrado para a compra de material, transporte e entrega (Foto: Reprodução / Whatsapp)

Como resultado da materialização dessa ação, na última quarta-feira (25) foram distribuídas 1000 máscaras e 350 jalecos para o Hospital Getúlio Vargas (HGV), Natan Portela, Hospital Infantil, Hospital da Polícia Militar (HPM) e Maternidade Dona Evangelina Rosa, dentre outras.

Pilhas de EPI's (Foto: Reprodução / Whatsapp)

Outro objetivo é que todo o material arrecadado durante o período da ação voluntária, seja encaminhado aos órgãos como Detran, Polícia Civil, Polícia Militar, Secretaria de Justiça, Corpo de Bombeiros, além de postos de saúde. A CEIR é a central de recolhimento e distribuição das doações recebidas pela rede Pense Piauí.

Separação do material (Foto: Reprodução / Whatsapp)

“Nós, da rede Pense Piauí, estamos todos envolvidos nesse esforço humanitário e comunitário de tentar conter a disseminação dessa pandemia no nosso Estado. Estamos fazendo tudo que podemos para produzir equipamentos de proteção individual e também prover álcool gel. Estamos concentrados nisso. Conseguimos organizar uma estrutura em pouco tempo e estamos precisando de doações”, explica o empresário e voluntário, Ney Paranaguá.

A AMBEV, que também é parceira, doou 500 litros de álcool à rede municipal de saúde como auxílio nesse momento de epidemia. A Guadalajara também reforça a causa na confecção de materiais e confeccionou 52. 893 máscaras e 200 aventais. 

 Grupos de voluntários potencializam a comunicação da campanha

Além de tudo, existe um grupo de voluntários da comunicação envolvidos com a Rede. Está sendo realizada ações de comunicação, por meio de volantes, em vários bairros da cidade para informar a população sobre a importância, neste momento, de ficar em casa. Além dos volantes está sendo programada campanha para arrecadar fundos. “Vamos ficar todos juntos, abraçados, de mãos dadas, mesmo que à distância, mas no mesmo sentimento: ajudar nosso Estado em uma hora que pode ser crítica para nós”, pontuou Ney Paranaguá.

 Material arrecadado (Foto: Reprodução / Whatsapp)

O Pense Piauí constitui uma rede dinâmica, formada por lideranças dos mais diversos segmentos. Constitui uma iniciativa supra partidária que pretende superar fragmentações sociais, mediante a estruturação de espaços de encontros e de debates, de modo a propiciar a formação de uma inteligência coletiva capaz de colaborar nas instâncias de decisões em favor do desenvolvimento do estado e do bem comum.