1. Editorias
  2. Justiça
  3. Ministro do STF consulta PGR sobre perícia em celular de Bolsonaro
Publicidade

Ministro do STF consulta PGR sobre perícia em celular de Bolsonaro

Ofício foi encaminhado nesta quinta- feira. Pedido de partidos de esquerda

O ministro Celso de Mello, do STF (Supremo Tribunal Federal), pediu nesta 5ª feira (21.mai.2020) que a PGR (Procuradoria Geral da República) se manifeste sobre 3 notícias-crime relacionadas à suposta interferência do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal.

Ministro do STF consulta PGR sobre perícia em celular de Bolsonaro (Foto: Nelson Jr./SCO/STF)

O procedimento é de praxe. Partidos de esquerda fizeram o pedido ao STF, que consulta a PGR –responsável por propor investigações contra o presidente da República. Entre as medidas solicitadas está a busca e apreensão do celular de Bolsonaro e de seu filho, o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ).

A PGR vai analisar se aceita ou não os pedidos. Não há prazo definido para tomar a decisão.

Os partidos também pediram a perícia dos celulares do ex-diretor-geral da PF Maurício Valeixo; do ex-ministro Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública); e da deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP).

Celso de Mello é o responsável pelo inquérito que apura a suposta interferência de Bolsonaro na Polícia Federal. A investigação foi aberta depois das acusações feitas por Sergio Moro.

O ministro Celso de Mello, do STF (Supremo Tribunal Federal), pediu nesta 5ª feira (21.mai.2020) que a PGR (Procuradoria Geral da República) se manifeste sobre 3 notícias-crime relacionadas à suposta interferência do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal.

Ministro do STF consulta PGR sobre perícia em celular de Bolsonaro (Foto: Nelson Jr./SCO/STF)

O procedimento é de praxe. Partidos de esquerda fizeram o pedido ao STF, que consulta a PGR –responsável por propor investigações contra o presidente da República. Entre as medidas solicitadas está a busca e apreensão do celular de Bolsonaro e de seu filho, o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ).

A PGR vai analisar se aceita ou não os pedidos. Não há prazo definido para tomar a decisão.

Os partidos também pediram a perícia dos celulares do ex-diretor-geral da PF Maurício Valeixo; do ex-ministro Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública); e da deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP).

Celso de Mello é o responsável pelo inquérito que apura a suposta interferência de Bolsonaro na Polícia Federal. A investigação foi aberta depois das acusações feitas por Sergio Moro.