1. Editorias
  2. Municípios
  3. Usina de açúcar doa etanol para produção de álcool em gel
Publicidade

Usina de açúcar doa etanol para produção de álcool em gel

A empresa se enquadra no setor de serviços essenciais, não podendo suspender suas atividades.

A Indústria de Álcool e Açúcar do Piauí (Comvap) está realizando uma doação ao governo do Estado de matéria-prima para produção de álcool em gel e sua distribuição para a rede pública de saúde no combate ao avanço do novo coronavírus (COVID - 19)

Indústria de Álcool e Açúcar do Piauí (Foto: Reprodução)

“Vivemos um momento de mobilização nacional e nos juntamos às autoridades públicas e à sociedade de uma forma geral nos esforços coletivos de prevenção e combate à Covid-19”, diz o diretor industrial da empresa, Luiz Fernando Melo.

Luiz Fernando Melo, diretor Industrial da Comvap. (Foto: Marcelo Gomes/Portal AZ)

A empresa se enquadra no setor de serviços essenciais, não podendo, portanto, suspender suas atividades. A paralisação da empresa acarretaria no desabastecimento tanto de alimentos em supermercados e atacadistas, como de combustíveis para frota de veículos essenciais para o transporte de produtos no país.

No entanto, a empresa esclarece que vem promovendo ações conforme a orientação da Organização Mundial de Saúde (OMS) e Ministério de Saúde. A empresa está tomando as recomendações necessárias e importantes na prevenção da Covid - 19, desde questões de higienização até esclarecimentos e orientação aos seus colaboradores sobre cuidados que devem tomar neste período.

A Indústria de Álcool e Açúcar do Piauí (Comvap) está realizando uma doação ao governo do Estado de matéria-prima para produção de álcool em gel e sua distribuição para a rede pública de saúde no combate ao avanço do novo coronavírus (COVID - 19)

Indústria de Álcool e Açúcar do Piauí (Foto: Reprodução)

“Vivemos um momento de mobilização nacional e nos juntamos às autoridades públicas e à sociedade de uma forma geral nos esforços coletivos de prevenção e combate à Covid-19”, diz o diretor industrial da empresa, Luiz Fernando Melo.

Luiz Fernando Melo, diretor Industrial da Comvap. (Foto: Marcelo Gomes/Portal AZ)

A empresa se enquadra no setor de serviços essenciais, não podendo, portanto, suspender suas atividades. A paralisação da empresa acarretaria no desabastecimento tanto de alimentos em supermercados e atacadistas, como de combustíveis para frota de veículos essenciais para o transporte de produtos no país.

No entanto, a empresa esclarece que vem promovendo ações conforme a orientação da Organização Mundial de Saúde (OMS) e Ministério de Saúde. A empresa está tomando as recomendações necessárias e importantes na prevenção da Covid - 19, desde questões de higienização até esclarecimentos e orientação aos seus colaboradores sobre cuidados que devem tomar neste período.