1. Editorias
  2. Polícia
  3. Piauí inaugura Laboratório de Genética Forense na próxima segunda-feira
Publicidade

Piauí inaugura Laboratório de Genética Forense na próxima segunda-feira

Foram investidos aproximadamente R$ 3 milhões, segundo o Ministério da Justiça

O primeiro Instituto de DNA Forense (IDNA) do Piauí será inaugurado na próxima segunda-feira (11), ás 8h, na Rua Governador Arthur de Vasconcelos, 995, bairro Porenquanto, zona norte de Teresina.

O Instituto de DNA Forense será ligado ao Departamento de Polícia Técnico-Científica da Polícia Civil e está sendo implementado com o auxílio do Ministério da Justiça, através do Projeto  de fortalecimento da rede integrada de perfis genéticos objetivando produzir a prova pericial baseada nas tecnologias de genética forense e instituir o Banco Estadual de Perfis Genético, garantidos pela lei 12.654/2012.

Fábio Abreu, Secretário de Segurança do Piauí ( Foto: Rebeca Lima/Portal AZ)

Foram investidos mais de R$ 400 mil reais no prédio de 20 salas e só em equipamentos de última geração foi investido R$ 3 milhões de reais. Com a inauguração do Instituto de DNA Forense, o estado do Piauí será capaz de processar as amostras advindas do local de crime e provenientes de coletas realizadas no Instituto de Medicina Legal. 

"Com os equipamentos de última geração adquiridos pra o IDNA será possível dar respostas com maior celeridade aos quesitos formulados pela Polícia Judiciária, Justiça e Ministério Público, aqui mesmo no estado. A materialidade de crimes onde foram produzidos vestígios biológicos, tais como sangue e sêmen poderão ser analisados no primeiro IDNA do Piauí", afirma o Secretário de Segurança, Fábio Abreu.

Assim, o estado contará com o Laboratório de Genética Forense, passando a integrar a rede nacional de perfis genéticos do Brasil.

O primeiro Instituto de DNA Forense (IDNA) do Piauí será inaugurado na próxima segunda-feira (11), ás 8h, na Rua Governador Arthur de Vasconcelos, 995, bairro Porenquanto, zona norte de Teresina.

O Instituto de DNA Forense será ligado ao Departamento de Polícia Técnico-Científica da Polícia Civil e está sendo implementado com o auxílio do Ministério da Justiça, através do Projeto  de fortalecimento da rede integrada de perfis genéticos objetivando produzir a prova pericial baseada nas tecnologias de genética forense e instituir o Banco Estadual de Perfis Genético, garantidos pela lei 12.654/2012.

ddd

Fábio Abreu, Secretário de Segurança do Piauí ( Foto: Rebeca Lima/Portal AZ)

Foram investidos mais de R$ 400 mil reais no prédio de 20 salas e só em equipamentos de última geração foi investido R$ 3 milhões de reais. Com a inauguração do Instituto de DNA Forense, o estado do Piauí será capaz de processar as amostras advindas do local de crime e provenientes de coletas realizadas no Instituto de Medicina Legal. 

"Com os equipamentos de última geração adquiridos pra o IDNA será possível dar respostas com maior celeridade aos quesitos formulados pela Polícia Judiciária, Justiça e Ministério Público, aqui mesmo no estado. A materialidade de crimes onde foram produzidos vestígios biológicos, tais como sangue e sêmen poderão ser analisados no primeiro IDNA do Piauí", afirma o Secretário de Segurança, Fábio Abreu.

Assim, o estado contará com o Laboratório de Genética Forense, passando a integrar a rede nacional de perfis genéticos do Brasil.