1. Editorias
  2. Polícia
  3. Suspeito de se passar por delegado paga fiança de R$ 2 mil e é solto
Publicidade

Suspeito de se passar por delegado paga fiança de R$ 2 mil e é solto

No apartamento de Afonso a polícia encontrou armas de fogo e colete

Afonso Soares Brandão Júnior, suspeito de se passar por delegado da Polícia Civil, foi solto nesta quarta-feira (12) depois de pagar uma quantia de R$ 2.090 de fiança, o que equivale a dois salários mínimos. 

Afonso Soares Brandão Júnior (Foto: Reprodução / Whatsapp)

O suspeito foi preso nesta quarta-feira (12) por policiais do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão em apartamento na zona Norte de Teresina. 

Delegado Tales Gomes (Foto: Vitória Pilar / Portal AZ)

Em entrevista ao Portal AZ, o delegado Tales Gomes, coordenador do Greco, afirmou que por se tratar de crime de posse ilegal de arma de fogo, coube fiança.

“Não tem segredo, ele estava com posse ilegal de arma de fogo, e isso automaticamente faz com que a fiança entre no caso”, disse. 

Tales Gomes acrescentou ainda que está aguardando o final do inquérito para dar mais detalhes sobre o caso.

Entenda o caso

Policiais do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) prenderam nesta quarta-feira (12), em um apartamento na zona Norte de Teresina, Afonso Soares Brandão Júnior, suspeito de se passar por delegado da Polícia Civil do Piauí. No apartamento de Afonso a polícia encontrou armas de fogo, colete, carteiras que o identificavam como servidor da segurança pública do estado e distintivo. 

No apartamento do suspeito a polícia encontrou armas de fogo, distintivo, coletes e documentos (Foto: divulgação / SSP)

Ao Portal AZ, o delegado Tales Gomes, coordenador do Greco, informou que o suspeito se passava por delegado há anos. 

“É uma investigação que começamos na semana passada quando recebemos a informação que um sujeito estava se passando por delegado em Teresina para obter vantagens. Ele chegou a alugar um apartamento na Santa Maria da Codipi e hoje conseguimos prendê-lo em flagrante. Quando chegamos ele estava com uma pistola na cintura. Foi dominado por policiais e fizemos a vistoria no apartamento”, contou.

Afonso poderá responder pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo, falsidade ideológica e estelionato.

Matéria relacionada:

Suspeito de se passar por delegado da Polícia Civil é preso na zona Norte de Teresina

Afonso Soares Brandão Júnior, suspeito de se passar por delegado da Polícia Civil, foi solto nesta quarta-feira (12) depois de pagar uma quantia de R$ 2.090 de fiança, o que equivale a dois salários mínimos. 

Afonso Soares Brandão Júnior (Foto: Reprodução / Whatsapp)

O suspeito foi preso nesta quarta-feira (12) por policiais do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão em apartamento na zona Norte de Teresina. 

Delegado Tales Gomes (Foto: Vitória Pilar / Portal AZ)

Em entrevista ao Portal AZ, o delegado Tales Gomes, coordenador do Greco, afirmou que por se tratar de crime de posse ilegal de arma de fogo, coube fiança.

“Não tem segredo, ele estava com posse ilegal de arma de fogo, e isso automaticamente faz com que a fiança entre no caso”, disse. 

Tales Gomes acrescentou ainda que está aguardando o final do inquérito para dar mais detalhes sobre o caso.

Entenda o caso

Policiais do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) prenderam nesta quarta-feira (12), em um apartamento na zona Norte de Teresina, Afonso Soares Brandão Júnior, suspeito de se passar por delegado da Polícia Civil do Piauí. No apartamento de Afonso a polícia encontrou armas de fogo, colete, carteiras que o identificavam como servidor da segurança pública do estado e distintivo. 

No apartamento do suspeito a polícia encontrou armas de fogo, distintivo, coletes e documentos (Foto: divulgação / SSP)

Ao Portal AZ, o delegado Tales Gomes, coordenador do Greco, informou que o suspeito se passava por delegado há anos. 

“É uma investigação que começamos na semana passada quando recebemos a informação que um sujeito estava se passando por delegado em Teresina para obter vantagens. Ele chegou a alugar um apartamento na Santa Maria da Codipi e hoje conseguimos prendê-lo em flagrante. Quando chegamos ele estava com uma pistola na cintura. Foi dominado por policiais e fizemos a vistoria no apartamento”, contou.

Afonso poderá responder pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo, falsidade ideológica e estelionato.

Matéria relacionada:

Suspeito de se passar por delegado da Polícia Civil é preso na zona Norte de Teresina