1. Editorias
  2. Polícia
  3. Cabo da Polícia Militar do Piauí morre vítima de covid-19 no HGV
Publicidade

Cabo da Polícia Militar do Piauí morre vítima de covid-19 no HGV

Policial faleceu na noite deste domingo

O cabo da Polícia Militar, identificado como Arnaldo Alves de Sousa, 47 anos, morreu vítima do novo coronavírus. Segundo nota divulgada pela PM, o cabo faleceu na noite deste domingo (28), no Hospital Getúlio Vargas, em Teresina. 

Cabo da Polícia Militar do Piauí morre vítima de covid-19 no HGV (Foto:Divulgação)

Em nota de pesar a PM-PI, afirma que o policial ingressou na Instituição em novembro de 1992. Ele trabalhava no 9º Batalhão, localizado na Zona Norte de Teresina, prestando bons serviços a corporação e em defesa da sociedade piauiense. 

Confira a nota da íntegra

É com extremo pesar que a Polícia Militar vem a público comunicar o falecimento do Cabo Arnaldo Alves de Sousa, 47 anos, ocorrido na noite deste domingo (28), vítima da Covid-19 no Hospital Getúlio Vargas, em Teresina. 

O militar ingressou na Instituição em novembro de 1992, encontrava-se na ativa e trabalhava no 9º Batalhão, localizado na Zona Norte de Teresina, prestando bons serviços a Corporação e em defesa da sociedade piauiense. 

O Comando Geral da PMPI se solidariza com a família e amigos, e roga que a misericórdia de Deus amenize a dor decorrente de tão significativa e irreparável perda.

Mortes de policiais 

Em 20 de junho, o sargento da Polícia Militar do Piauí identificado como Antônio Carlos Moraes Oliveira, 54 anos, morreu dentro de casa, no município de Luzilândia, vítima de parada cardíaca, síndrome respiratória aguda grave, insuficiência respiratória e infecção por coronavírus.

O 3º Sargento Virgílio Fábio Diniz Neto, 83 anos, morreu em 17 de junho, no Hospital São Paulo. De acordo com o atestado de óbito, a causa da morte trata-se de síndrome respiratória aguda grave, pneumonia viral, Covid-19. 

No dia 16 de junho, o 3º SGT Francisco das Chagas Araújo, 52 anos, morreu em sua residência em Teresina. A causa da morte de acordo com o atestado de óbito trata-se de síndrome respiratória aguda grave.

O policial aposentado Sargento Raimundo Lopes Magalhães Neto morreu em 6 de junho, após passar vários dias internado com os sintomas do novo coronavírus.

Já em 29 de maio, o 1º Sargento José Maria de Sousa, de 54 anos, faleceu, no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, em Parnaíba. As causas da morte foram parada cardiorrespiratória, insuficiência cardiorrespiratória, choque cardiogênico, síndrome coronária aguda. 

Em 26 de maio, o cabo da Policial Militar identificado como Antônio Francisco Braga, 43 anos, faleceu no Hospital de Urgência de Teresina (HUT), por volta das 22h40, após ser diagnosticado com Covid-19.

Matérias relacionadas:

Sargento da Polícia Militar morre dentro de casa vítima do novo coronavírus
Sargento da Polícia Militar morre vítima de coronavírus em Teresina
Cabo da Polícia Militar morre vítima da covid-19 no Hospital de Urgência de Teresina

O cabo da Polícia Militar, identificado como Arnaldo Alves de Sousa, 47 anos, morreu vítima do novo coronavírus. Segundo nota divulgada pela PM, o cabo faleceu na noite deste domingo (28), no Hospital Getúlio Vargas, em Teresina. 

Cabo da Polícia Militar do Piauí morre vítima de covid-19 no HGV (Foto:Divulgação)

Em nota de pesar a PM-PI, afirma que o policial ingressou na Instituição em novembro de 1992. Ele trabalhava no 9º Batalhão, localizado na Zona Norte de Teresina, prestando bons serviços a corporação e em defesa da sociedade piauiense. 

Confira a nota da íntegra

É com extremo pesar que a Polícia Militar vem a público comunicar o falecimento do Cabo Arnaldo Alves de Sousa, 47 anos, ocorrido na noite deste domingo (28), vítima da Covid-19 no Hospital Getúlio Vargas, em Teresina. 

O militar ingressou na Instituição em novembro de 1992, encontrava-se na ativa e trabalhava no 9º Batalhão, localizado na Zona Norte de Teresina, prestando bons serviços a Corporação e em defesa da sociedade piauiense. 

O Comando Geral da PMPI se solidariza com a família e amigos, e roga que a misericórdia de Deus amenize a dor decorrente de tão significativa e irreparável perda.

Mortes de policiais 

Em 20 de junho, o sargento da Polícia Militar do Piauí identificado como Antônio Carlos Moraes Oliveira, 54 anos, morreu dentro de casa, no município de Luzilândia, vítima de parada cardíaca, síndrome respiratória aguda grave, insuficiência respiratória e infecção por coronavírus.

O 3º Sargento Virgílio Fábio Diniz Neto, 83 anos, morreu em 17 de junho, no Hospital São Paulo. De acordo com o atestado de óbito, a causa da morte trata-se de síndrome respiratória aguda grave, pneumonia viral, Covid-19. 

No dia 16 de junho, o 3º SGT Francisco das Chagas Araújo, 52 anos, morreu em sua residência em Teresina. A causa da morte de acordo com o atestado de óbito trata-se de síndrome respiratória aguda grave.

O policial aposentado Sargento Raimundo Lopes Magalhães Neto morreu em 6 de junho, após passar vários dias internado com os sintomas do novo coronavírus.

Já em 29 de maio, o 1º Sargento José Maria de Sousa, de 54 anos, faleceu, no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, em Parnaíba. As causas da morte foram parada cardiorrespiratória, insuficiência cardiorrespiratória, choque cardiogênico, síndrome coronária aguda. 

Em 26 de maio, o cabo da Policial Militar identificado como Antônio Francisco Braga, 43 anos, faleceu no Hospital de Urgência de Teresina (HUT), por volta das 22h40, após ser diagnosticado com Covid-19.

Matérias relacionadas:

Sargento da Polícia Militar morre dentro de casa vítima do novo coronavírus
Sargento da Polícia Militar morre vítima de coronavírus em Teresina
Cabo da Polícia Militar morre vítima da covid-19 no Hospital de Urgência de Teresina