1. Editorias
  2. Política
  3. Bolsonaro diz que está “muito feliz com as críticas”
Publicidade

Bolsonaro diz que está “muito feliz com as críticas”

Presidente foi alvo de críticas por parlamentares e pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse nesta quarta-feira (25/3) não se importar com as críticas que recebeu em função do pronunciamento em rede nacional nessa terça-feira (24/03). Na ocasião, o chefe do Executivo defendeu o fim do “confinamento em massa” em meio à pandemia do coronavírus.

Bolsonaro diz que está “muito feliz com as críticas”(Foto:Rafaela Felicciano/ Metrópoles)

Ao ser questionado sobre as críticas feitas por parlamentares, entre eles o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), Bolsonaro interrompeu a pergunta e atacou adversários. “Ser criticado por quem? Por quem nunca fez nada pelo Brasil? Eu tô muito feliz com as críticas”, disparou.

Perguntado especificamente sobre a nota divulgada por Alcolumbre, na qual o presidente do Senado diz que o Brasil precisa de uma liderança séria, responsável e comprometida, o chefe do Executivo minimizou.

“É um direito deles, mas se eu falo um ‘a’ contra é uma crise institucional. Não vou falar nada. Vou ligar pro Davi hoje [quarta-feira], se bem que ele tá confinado, com problema”, comentou.

O texto encaminhado por Alcolumbre também classifica como “grave” a posição externada por Bolsonaro.
 

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse nesta quarta-feira (25/3) não se importar com as críticas que recebeu em função do pronunciamento em rede nacional nessa terça-feira (24/03). Na ocasião, o chefe do Executivo defendeu o fim do “confinamento em massa” em meio à pandemia do coronavírus.

Bolsonaro diz que está “muito feliz com as críticas”(Foto:Rafaela Felicciano/ Metrópoles)

Ao ser questionado sobre as críticas feitas por parlamentares, entre eles o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), Bolsonaro interrompeu a pergunta e atacou adversários. “Ser criticado por quem? Por quem nunca fez nada pelo Brasil? Eu tô muito feliz com as críticas”, disparou.

Perguntado especificamente sobre a nota divulgada por Alcolumbre, na qual o presidente do Senado diz que o Brasil precisa de uma liderança séria, responsável e comprometida, o chefe do Executivo minimizou.

“É um direito deles, mas se eu falo um ‘a’ contra é uma crise institucional. Não vou falar nada. Vou ligar pro Davi hoje [quarta-feira], se bem que ele tá confinado, com problema”, comentou.

O texto encaminhado por Alcolumbre também classifica como “grave” a posição externada por Bolsonaro.