1. Editorias
  2. Política
  3. Depois de desdenhar de apoio, Robert Rios afirma nunca ter estado em guerra com Wellington Dias
Publicidade

Depois de desdenhar de apoio, Robert Rios afirma nunca ter estado em guerra com Wellington Dias

"A afinidade política é diferente da responsabilidade", diz vice-prefeito

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB) e o governador Wellington Dias (PT), se reuniram na manhã desta quarta-feira (13) para alinhar gestão estadual e municipal frente à nova administração do emedebista como prefeito da capital. O encontro aconteceu no Palácio da Cidade. 

Gestores realizaram encontro nesta quarta-feira no Palácio da Cidade (Foto: Rômulo Piauilino / PMT)

Em entrevista ao Portal AZ, o vice-prefeito Robert Rios (PSB) declarou que durante a reunião se tratou de uma parceria administrativa entre os gestores em prol da cidade. Indagado pela reportagem sobre o alinhamento após a campanha, Robert disse que se trata de uma responsabilidade e que apesar de não ter afinidade política com o petista, ambos deveriam trabalhar em consonância a partir de agora. 

"São dois homens com responsabilidades, um de governar o Estado e o outro o município. Foi uma parceria administrativa. Não estava em guerra e nem estou em paz, estou tranquilo. A afinidade política é diferente da responsabilidade administrativa. O Dr. Pessoa vai criar uma equipe para que trabalhe para verificar o que o Estado e Município podem interagir para o bem da capital", pontuou o vice-prefeito.

Durante a campanha, Robert rejeitou apoio de Wellington

Durante a campanha eleitoral pela prefeitura de Teresina, Robert Rios havia relatado que não havia qualquer afinidade política entre o governador Wellington Dias (PT) e a chapa do Dr. Pessoa (MDB). 

Nas redes sociais, o vice de Pessoa declarou que ficou lisonjeado com a manifestação de apoio do chefe do executivo estadual, mas depois desdenhou. 

“Fico lisonjeado com a manifestação de apoio do governador Wellington Dias, mas não vejo qualquer afinidade entre o projeto político do governador com o nosso. Pelo contrário, combatemos, como o Piauí sabe, esse governo”, escreveu. 

Matérias relacionadas: 

Em reunião, Dr. Pessoa e Wellington Dias alinham gestões para enfrentar dificuldade econômica

Robert Rios desdenha de apoio de Wellington a Dr. Pessoa no 2º turno em Teresina: “não vejo afinidade”

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB) e o governador Wellington Dias (PT), se reuniram na manhã desta quarta-feira (13) para alinhar gestão estadual e municipal frente à nova administração do emedebista como prefeito da capital. O encontro aconteceu no Palácio da Cidade. 

Gestores realizaram encontro nesta quarta-feira no Palácio da Cidade (Foto: Rômulo Piauilino / PMT)

Em entrevista ao Portal AZ, o vice-prefeito Robert Rios (PSB) declarou que durante a reunião se tratou de uma parceria administrativa entre os gestores em prol da cidade. Indagado pela reportagem sobre o alinhamento após a campanha, Robert disse que se trata de uma responsabilidade e que apesar de não ter afinidade política com o petista, ambos deveriam trabalhar em consonância a partir de agora. 

"São dois homens com responsabilidades, um de governar o Estado e o outro o município. Foi uma parceria administrativa. Não estava em guerra e nem estou em paz, estou tranquilo. A afinidade política é diferente da responsabilidade administrativa. O Dr. Pessoa vai criar uma equipe para que trabalhe para verificar o que o Estado e Município podem interagir para o bem da capital", pontuou o vice-prefeito.

Durante a campanha, Robert rejeitou apoio de Wellington

Durante a campanha eleitoral pela prefeitura de Teresina, Robert Rios havia relatado que não havia qualquer afinidade política entre o governador Wellington Dias (PT) e a chapa do Dr. Pessoa (MDB). 

Nas redes sociais, o vice de Pessoa declarou que ficou lisonjeado com a manifestação de apoio do chefe do executivo estadual, mas depois desdenhou. 

“Fico lisonjeado com a manifestação de apoio do governador Wellington Dias, mas não vejo qualquer afinidade entre o projeto político do governador com o nosso. Pelo contrário, combatemos, como o Piauí sabe, esse governo”, escreveu. 

Matérias relacionadas: 

Em reunião, Dr. Pessoa e Wellington Dias alinham gestões para enfrentar dificuldade econômica

Robert Rios desdenha de apoio de Wellington a Dr. Pessoa no 2º turno em Teresina: “não vejo afinidade”