1. Editorias
  2. Saúde
  3. Diretor médico do Samu de Teresina, José Ivaldo, morre vítima da covid-19
Publicidade

Diretor médico do Samu de Teresina, José Ivaldo, morre vítima da covid-19

Profissional de saúde estava atuando na linha de frente do combate ao vírus

(Atualizada às 10h20)

O diretor médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência de Teresina (Samu), José Ivaldo Oliveira, 48 anos, faleceu vítima da covid-19 na manhã desta sexta-feira (31). 

O profissional de saúde estava atuando na linha de frente do combate à doença, quando foi infectado.  O prefeito Firmino Filho destacou o impacto do falecimento de José Ivaldo na Saúde de Teresina, tendo em vista sua atuação no enfrentamento da doença e no salvamento de várias vidas. 

Médico José Ivaldo (Foto: reprodução/redes sociais)

“Perdemos um pessoa muito importante no combate ao Coronavírus em Teresina. Dr. José Ivaldo era diretor médico do SAMU e atuou fortemente no enfrentamento da doença na nossa cidade. Estava em um dos comandos da nossa linha de frente e foi responsável por salvar várias vidas, especialmente nos últimos meses. Dr. Ivaldo tinha muitos amigos, dentro e fora do SAMU Teresina”, disse o prefeito.

O médico estava internado há mais de quarenta dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular de Teresina, chegando a ser intubado, mas não resistiu às complicações da doença. Ele sofria de hipertensão. 

José Ivaldo trabalhava nas ambulâncias do SAMU desde 2004. 

Esta é a segunda morte de médico em 24h pelo novo coronavírus. O oftalmologista Mansueto Magalhães, 86 anos, também veio a óbito pela doença nesta quinta-feira (30), em Teresina. 

Nota de pesar

O Sindicato dos Médicos do Estado do Piauí (Simepi) divulgou nota de pesar pelo falecimento de José Ivaldo e Mansueto Magalhães, na manhã desta sexta-feira (31).  “Expressamos condolências aos familiares, amigos e à classe médica que compartilha a dor da partida destes profissionais que exerceram a medicina com muito amor à população piauiense”, diz o sindicato. 

Veja a nota na íntegra: 

O Sindicato dos Médicos do Estado do Piauí - SIMEPI manifesta profundo pesar pelo falecimento de mais dois profissionais da saúde, vítimas das complicações causadas pela Covid-19. O médico Dr. Mansueto Martins Magalhães, na noite desta quinta-feira (30) e o ginecologista Dr. José Ivaldo, nesta sexta-feira (31).

Dr. Mansueto exerceu a medicina com louvor por mais de 50 anos e era professor da Universidade Federal do Piauí (UFPI). Dr. José Ivaldo era um jovem profissional e grande exemplo  na profissão, tendo exercido um brilhante trabalho como Médico Diretor do SAMU.

Expressamos condolências aos familiares, amigos e à classe médica que compartilha a dor da partida destes profissionais que exerceram a medicina com muito amor à população piauiense.

Matéria relacionada:

Piauí contabiliza mais de 1,2 mil casos confirmados e 25 mortes por covid-19 em um dia, diz Sesapi

(Atualizada às 10h20)

O diretor médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência de Teresina (Samu), José Ivaldo Oliveira, 48 anos, faleceu vítima da covid-19 na manhã desta sexta-feira (31). 

O profissional de saúde estava atuando na linha de frente do combate à doença, quando foi infectado.  O prefeito Firmino Filho destacou o impacto do falecimento de José Ivaldo na Saúde de Teresina, tendo em vista sua atuação no enfrentamento da doença e no salvamento de várias vidas. 

Médico José Ivaldo (Foto: reprodução/redes sociais)

“Perdemos um pessoa muito importante no combate ao Coronavírus em Teresina. Dr. José Ivaldo era diretor médico do SAMU e atuou fortemente no enfrentamento da doença na nossa cidade. Estava em um dos comandos da nossa linha de frente e foi responsável por salvar várias vidas, especialmente nos últimos meses. Dr. Ivaldo tinha muitos amigos, dentro e fora do SAMU Teresina”, disse o prefeito.

O médico estava internado há mais de quarenta dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular de Teresina, chegando a ser intubado, mas não resistiu às complicações da doença. Ele sofria de hipertensão. 

José Ivaldo trabalhava nas ambulâncias do SAMU desde 2004. 

Esta é a segunda morte de médico em 24h pelo novo coronavírus. O oftalmologista Mansueto Magalhães, 86 anos, também veio a óbito pela doença nesta quinta-feira (30), em Teresina. 

Nota de pesar

O Sindicato dos Médicos do Estado do Piauí (Simepi) divulgou nota de pesar pelo falecimento de José Ivaldo e Mansueto Magalhães, na manhã desta sexta-feira (31).  “Expressamos condolências aos familiares, amigos e à classe médica que compartilha a dor da partida destes profissionais que exerceram a medicina com muito amor à população piauiense”, diz o sindicato. 

Veja a nota na íntegra: 

O Sindicato dos Médicos do Estado do Piauí - SIMEPI manifesta profundo pesar pelo falecimento de mais dois profissionais da saúde, vítimas das complicações causadas pela Covid-19. O médico Dr. Mansueto Martins Magalhães, na noite desta quinta-feira (30) e o ginecologista Dr. José Ivaldo, nesta sexta-feira (31).

Dr. Mansueto exerceu a medicina com louvor por mais de 50 anos e era professor da Universidade Federal do Piauí (UFPI). Dr. José Ivaldo era um jovem profissional e grande exemplo  na profissão, tendo exercido um brilhante trabalho como Médico Diretor do SAMU.

Expressamos condolências aos familiares, amigos e à classe médica que compartilha a dor da partida destes profissionais que exerceram a medicina com muito amor à população piauiense.

Matéria relacionada:

Piauí contabiliza mais de 1,2 mil casos confirmados e 25 mortes por covid-19 em um dia, diz Sesapi