1. Editorias
  2. Arte Cultura
  3. Livro conta a trajetória do empresário piauiense Joaquim Nelson
Publicidade

Livro conta a trajetória do empresário piauiense Joaquim Nelson

Com colaboração de Lídia Carvalho, filha do industrial, a obra conta como Joaquim se tornou um nome conhecido na história do Estado

Tendo seu nome em uma das avenidas mais conhecidas de Teresina, localizada na região do bairro Dirceu, zona Sudeste, a história de Joaquim Nelson de Carvalho é celebrada em livro biográfico através das palavras do jornalista e escritor Paulo Chaves com a colaboração de Lídia Carvalho Nogueira, filha do empresário piauiense. A obra será lançada na próxima quarta-feira (7) no Iate Clube de Teresina.

O trabalho é resultado do apoio cultural do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac-IFPD, e de recursos do Governo Federal disponibilizados pela Secretaria Estadual de Cultura, Lei Aldir Blanc – Prêmio Maria da Inglaterra. Joaquim Nelson de Carvalho foi industrial e empresário, tendo explorado comercialmente, e com destacado êxito, a fabricação de gelo a partir da década de 1920 até por volta de 1980, através da Usina Atlas.

Livro conta biografia de Joaquim Nelson (Foto: Divulgação)

Paulo Chaves e Lídia Carvalho contaram ao Portal AZ, durante entrevista na manhã desta sexta-feira (02), como foi o processo de construção desta obra. Paulo afirma que já sentia a vontade de escrever sobre Joaquim Nelson. A oportunidade surgiu quando ele estrevistava Francisco Nogueira, ex-diretor do Iate Clube e marido de Lídia Carvalho. 

"Ela falou que tinha o sonho de ver a biografia do pai dela produzida. E daí, nós fizemos, ela colaborou imensamente com o fornecimento de informações, fotos, com fontes onde eu pudesse pesquisar, mas sem ela não teria acontecido", disse Paulo Chaves.

O livro foi escrito pelo jornalista Paulo Chaves (foto: Divulgação)

Nascido em 1891 na cidade de Piripiri, Joaquim Nelson ficou órfão de pai aos cincos anos. A infância foi pobre e sem condições de estudar, mas isso não impediu que durante a juventude se apegasse à literatura e poesia. Paulo Chaves relata que o empresário mantinha um desejo de morar no Rio de Janeiro e já na cidade, frequentava inúmeros eventos culturais. 

"Esse homem tinha um gosto por culto, pela literatura, gostava muito de poesia e, quando adulto, deu asas a essa tendência produzindo e assistindo muitos, eventos culturais no Rio de Janeiro, a fixação dele era morar no Rio", disse. 

Lídia Carvalho (Foto: divulgação)

A colaboração de Lídia Carvalho se deu através das memórias que tem do pai. Ela diz que quando nasceu as batalhas já tinham sido conquistadas, mas esteve presente ouvindo as narrativas. "Foi muito emocionante falar sobre meu pai! Como sendo filha nascida já quase na sua velhice estive ao seu lado até o envelhecer total, ouvindo suas narrativas e de minha mãe a respeito das caminhadas e batalhas!", relembra.

Segundo Lídia, Joaquim Nelson sonhava com um estado moderno. "Empreendedor, comprou máquinas para fazer massa de milho para cuscuz, depois vendidas para Raul Lopes. Empreendeu com uma maquinaria de fazer sacos de papel que eram muito usados como embalagens", conta. 

Capa do livro "Joaquim Nelson simplesmente visionário" (Foto: Divulgação)

O livro biográfico de Joaquim Nelson de Carvalho será lançado em coquetel e sessão de autógrafos na próxima quarta-feira, dia 7 de julho de 2021, às 19h30, no Iate Clube de Teresina.

Tendo seu nome em uma das avenidas mais conhecidas de Teresina, localizada na região do bairro Dirceu, zona Sudeste, a história de Joaquim Nelson de Carvalho é celebrada em livro biográfico através das palavras do jornalista e escritor Paulo Chaves com a colaboração de Lídia Carvalho Nogueira, filha do empresário piauiense. A obra será lançada na próxima quarta-feira (7) no Iate Clube de Teresina.

O trabalho é resultado do apoio cultural do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac-IFPD, e de recursos do Governo Federal disponibilizados pela Secretaria Estadual de Cultura, Lei Aldir Blanc – Prêmio Maria da Inglaterra. Joaquim Nelson de Carvalho foi industrial e empresário, tendo explorado comercialmente, e com destacado êxito, a fabricação de gelo a partir da década de 1920 até por volta de 1980, através da Usina Atlas.

Livro conta biografia de Joaquim Nelson (Foto: Divulgação)

Paulo Chaves e Lídia Carvalho contaram ao Portal AZ, durante entrevista na manhã desta sexta-feira (02), como foi o processo de construção desta obra. Paulo afirma que já sentia a vontade de escrever sobre Joaquim Nelson. A oportunidade surgiu quando ele estrevistava Francisco Nogueira, ex-diretor do Iate Clube e marido de Lídia Carvalho. 

"Ela falou que tinha o sonho de ver a biografia do pai dela produzida. E daí, nós fizemos, ela colaborou imensamente com o fornecimento de informações, fotos, com fontes onde eu pudesse pesquisar, mas sem ela não teria acontecido", disse Paulo Chaves.

O livro foi escrito pelo jornalista Paulo Chaves (foto: Divulgação)

Nascido em 1891 na cidade de Piripiri, Joaquim Nelson ficou órfão de pai aos cincos anos. A infância foi pobre e sem condições de estudar, mas isso não impediu que durante a juventude se apegasse à literatura e poesia. Paulo Chaves relata que o empresário mantinha um desejo de morar no Rio de Janeiro e já na cidade, frequentava inúmeros eventos culturais. 

"Esse homem tinha um gosto por culto, pela literatura, gostava muito de poesia e, quando adulto, deu asas a essa tendência produzindo e assistindo muitos, eventos culturais no Rio de Janeiro, a fixação dele era morar no Rio", disse. 

Lídia Carvalho (Foto: divulgação)

A colaboração de Lídia Carvalho se deu através das memórias que tem do pai. Ela diz que quando nasceu as batalhas já tinham sido conquistadas, mas esteve presente ouvindo as narrativas. "Foi muito emocionante falar sobre meu pai! Como sendo filha nascida já quase na sua velhice estive ao seu lado até o envelhecer total, ouvindo suas narrativas e de minha mãe a respeito das caminhadas e batalhas!", relembra.

Segundo Lídia, Joaquim Nelson sonhava com um estado moderno. "Empreendedor, comprou máquinas para fazer massa de milho para cuscuz, depois vendidas para Raul Lopes. Empreendeu com uma maquinaria de fazer sacos de papel que eram muito usados como embalagens", conta. 

Capa do livro "Joaquim Nelson simplesmente visionário" (Foto: Divulgação)

O livro biográfico de Joaquim Nelson de Carvalho será lançado em coquetel e sessão de autógrafos na próxima quarta-feira, dia 7 de julho de 2021, às 19h30, no Iate Clube de Teresina.