1. Editorias
  2. Polícia
  3. PRF apreende veículo de luxo adquirido mediante fraude em Teresina
Publicidade

PRF apreende veículo de luxo adquirido mediante fraude em Teresina

Segundo a polícia, documentação do carro pertencia a outra pessoa

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu um veículo de luxo, AUDI/A3 1.8 na BR-343, em Teresina, na noite deste domingo (28). Segundo relatos de policias que fizeram a apreensão, o carro era dirigido por homem de 32 anos e havia sido adquirido de maneira fraudulenta. O condutor foi conduzido até a Central de Flagrantes na capital. 


Carro de luxo apreendido - Foto: divulgação

De acordo com a PRF, os policiais ao abordar o veículo verificaram que o mesmo possuía restrição administrativa quanto a sua propriedade. Em contato com o real proprietário, foram informados que a sua documentação pessoal havia sido clonada e devido a isso, foram adquiridos, de forma fraudulenta, duas motocicletas e três veículos de passeio, além de um smartphone.

Desta forma, os policiais conduziram o homem e o veículo até à Central de Flagrantes para os procedimentos cabíveis. Deverá ser aberto um inquérito para apurar as responsabilidades do cometimento do crime.

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu um veículo de luxo, AUDI/A3 1.8 na BR-343, em Teresina, na noite deste domingo (28). Segundo relatos de policias que fizeram a apreensão, o carro era dirigido por homem de 32 anos e havia sido adquirido de maneira fraudulenta. O condutor foi conduzido até a Central de Flagrantes na capital. 


Carro de luxo apreendido - Foto: divulgação

De acordo com a PRF, os policiais ao abordar o veículo verificaram que o mesmo possuía restrição administrativa quanto a sua propriedade. Em contato com o real proprietário, foram informados que a sua documentação pessoal havia sido clonada e devido a isso, foram adquiridos, de forma fraudulenta, duas motocicletas e três veículos de passeio, além de um smartphone.

Desta forma, os policiais conduziram o homem e o veículo até à Central de Flagrantes para os procedimentos cabíveis. Deverá ser aberto um inquérito para apurar as responsabilidades do cometimento do crime.